Moto2: Johann Zarco vence e é bicampeão do Mundo

Por a 30 Outubro 2016 06:16

Está encontrado o último campeão do Mundo de 2016 do Mundial de MotoGP. Johann Zarco selou a conquista do título mundial de Moto2, segundo consecutivo, ao vencer com toda a classe o GP da Malásia, penúltima ronda da presente época.

Numa prova que se iniciou com o asfalto de Sepang molhado, mas que rapidamente começou a secar, Zarco esperou como é habitual pelo momento certo para subir ao primeiro lugar. Partindo da pole position, o piloto da Ajo Motorsport realizou grande parte da corrida no segundo posto atrás de Franco Morbidelli até que a seis voltas do fim desferiu o ataque final.

 A partir desse momento Johann Zarco rapidamente ganhou uma vantagem confortável, que permitiu estar a salvo de qualquer investida da concorrência. Foi a sexta vitória do ano para o piloto francês, que assim enterrou as dúvidas que existiam quando à possibilidade de renovar o título, pois as últimas corridas não foram fáceis para Zarco.  Para a história fica também o facto do futuro piloto da Tech 3 em MotoGP ser o único a defender com sucesso o título alcançado no ano anterior na categoria intermédia do Mundial.

No segundo lugar e certamente com um amargo de boca ficou Franco Morbidelli. O piloto italiano somou o sétimo pódio do ano, quarto consecutivo, numa corrida onde liderou grande parte. No final o homem da Marc VDS ainda conseguiu segurar a segunda posição apesar da pressão de Jonas Folger. Porém o piloto alemão cometeu um erro a duas voltas do fim e não mais conseguiu superar Morbidelli, tendo de se contentar com o terceiro posto.

Lorenzo Baldassarri foi quarto depois de ter travado durante a corrida um animado duelo com Hafizh Syahrin. O herói local completou o top cinco para satisfação dos muitos adeptos presentes em Sepang.

Quanto aos rivais de Johann Zarco na luta pelo título tiveram uma corrida discreta. O vencedor das últimas duas rondas, Thomas Lüthi, foi apenas sexto e nunca demonstrou condições para lutar pelos primeiros lugares. Já Álex Rins não foi além do 14º posto. O piloto espanhol teve muito aquém nestas três rondas consecutivas, pois somou apenas dois pontos que foram conquistados precisamente nesta prova. Nota ainda para Sam Lowes, que somou o terceiro abandono consecutivo.

Classificação:

1
5
J. ZARCO
45:51.036
2
21
F. MORBIDELLI
+3.256
3
94
J. FOLGER
+3.689
4
7
L. BALDASSARRI
+21.428
5
55
H. SYAHRIN
+24.700
6
12
T. LUTHI
+26.184
7
73
A. MARQUEZ
+28.177
8
97
X. VIERGE
+28.855
9
10
L. MARINI
+29.247
10
32
I. VIÑALES
+29.969
11
24
S. CORSI
+30.866
12
93
R. ROSLI
+31.260
13
87
R. GARDNER
+31.793
14
40
A. RINS
+34.697
15
19
X. SIMEON
+46.669
16
2
J. RAFFIN
+49.126
17
11
S. CORTESE
+49.293
18
52
D. KENT
+51.610
19
57
E. PONS
+54.949
20
23
M. SCHROTTER
+55.461
21
30
T. NAKAGAMI
+1:08.613
22
27
I. LECUONA
+1:16.574
23
54
M. PASINI
+1:25.838
24
14
R. WILAIROT
+2:01.635
0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x