Moto2, 2021, Estíria: O insolente domínio da Ajo Motorsport

Por a 7 Agosto 2021 17:57

O dono da equipa Aki Ajo, perde os dominadores da Moto2 Remy Gardner e Raul Fernandez para a Tech3 KTM de MotoGP. Mas a busca por sucessores já começou: Sérgio Garcia pode tomar o lugar de Fernandez em 2022! 

O domínio das motos laranja da equipa de Aki Ajo tem sido insolente, de prova para prova em 2021, desde a qualificação às corridas.  Nos primeiros nove Grandes Pémios, Ajo alcançou um total de onze das 18 possíveis vitórias (5x Moto3, 6x Moto2) nas classes Moto3 e Moto2, mais um total de 21 lugares no pódio (7 na Moto3, 14 na Moto2) .

Além disso, a Ajo Motorsport (95 vitórias em GPs até agora) é a líder do campeonato do mundo em ambas as classes. Na Moto3, o estreante Pedro Acosta, de 17 anos (4 vitórias em GPs em 2021) já soma 48 pontos de vantagem sobre o segundo, Sergio Garcia (GASGAS). 

No campeonato de Moto2, Remy Gardner (3 vitórias em GPs, mais 5 lugares no pódio) tem 31 pontos de vantagem sobre o seu companheiro de equipa Raul Fernandez, que, como estreante de classe como Acosta, superou todas as expectativas de longe (3 vitórias, 2 x segundo e 1 x terceiro. 

Não admira assim que a KTM considere mais uma temporada de Moto2 para Raúl Fernández como uma perda de tempo. Depois de Oliveira, Binder e Gardner, é o próximo piloto da KTM MotoGP Academy a ser promovido à categoria rainha. Pedro Acosta será certamente o seu natural substituto na equipa de Moto2 de Aki Ajo.

Recordando o que aconteceu no passado, esta sequência vitoriosa, faz-nos recuar a 2017, o ano em que a Honda confiscou os primeiros sete lugares no Campeonato do Mundo de Moto3, fazendo a dobradinha no seguinte na classe de 250 cc com Jorge Martin e Fabio Di Giannantonio em 2018, e a terceira em 2019 com Lorenzo Dalla Porta. 

A partir de então, os austríacos assumiram o comando das coisas, após uma mudança de conceito que tinha sido falada pouco tempo antes: “Temos que nos certificar de que os talentos da KTM da Rookies Cup não sejam todos atraídos pela Honda para o Campeonato do Mundo de Moto3”, tinha dito o diretor de corrida da KTM, Pit Beirer, em 2017.

4 1 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto GP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x