WSBK, França, Corrida 2: Bautista vence corrida de duas partes

Por a 10 Setembro 2023 23:21

A Corrida 2 do Mundial de Superbike 2023 da parte da tarde em Magny-Cours, foi interrompida após acidente causado por Scott Redding (BMW). No reinício, a estrela da Ducati Álvaro Bautista conquistou uma vitória impressionante.

Antes da segunda corrida em Magny-Cours, muitos se perguntaram se Toprak Razgatlioglu também conseguiria vencer a última corrida depois de vencer a primeira corrida e a corrida da Superpole – o que seria um indicador importante no duelo do Campeonato do Mundo com Álvaro Bautista (Ducati).

A formação inicial nas duas primeiras filas mudou significativamente devido às quedas do homem da pole Garrett Gerloff (BMW) e Michael Rinaldi (Ducati) na corrida da Superpole – ambos eliminados pelos seus colegas de marca e companheiros de equipa. Razgatlioglu largou da pole, ao lado de Bautista e Jonathan Rea (Kawasaki). Alex Lowes (Kawasaki) reclamou de dores no joelho esquerdo e decidiu não participar na segunda corrida.

A corrida

Após a partida, Bautista, Rea e Razgatlioglu separaram-se rapidamente na frente e após quatro voltas já estavam separados por 1,8 segundos quando foram acenadas bandeiras vermelhas. Porque depois de Gerloff na corrida da Superpole, desta vez Scott Redding deitou ao solo Dominique Aegerter (Yamaha). A corrida foi reiniciada para um total de 17 voltas.

Desta vez, Bautista procurou uma decisão antecipada, fez o holeshot na segunda partida e seguiu para uma série de voltas rápidas que lhe proporcionaram uma liderança por mais de 3 segundos após seis voltas. O #1 da Ducati manteve o ritmo e venceu confortavelmente com uma vantagem de 5,9 segundos – por vezes esteve quase 9 segundos à frente!

O foco da corrida foi a emocionante batalha que explodiu entre Razgatlioglu e Rea pelo segundo lugar. Os dois campeões mundiais ultrapassaram-se várias vezes e não deram nada um ao outro. Os talentos excepcionais travaram um duelo justo e emocionante e no final, Razgatlioglu cruzou a linha de chegada com a sua melhor volta pessoal, 0,9 segundos à frente de Rea.

Com uma fase final forte, Garrett Gerloff garantiu o quinto lugar, confirmando-se o americano como o piloto mais consistente da BMW do momento. O melhor piloto da Honda foi desta vez Remy Gardner em P8, com Xavi Vierge em nono a utilizar o antigo quadro da Honda CBR1000RR-R. Philipp Öttl (Go Eleven Ducati) terminou a corrida no 10º lugar.

CORRIDA 2 SBK, MAGNY-COURS

1.Álvaro Bautista (E)Ducati
2.Toprak Razgatlioglu (TR)Yamaha+ 5.893 seg.
3.Jonathan Rea (Reino Unido)Kawasaki+6.779
4.Andrea Locatelli (E)Yamaha+ 10.978
5.Garrett Gerloff (EUA)BMW+ 11.482
6.Axel Bassani (I)Ducati+ 15.258
7.Danilo Petrucci (E)Ducati+ 17.578
8º.Remy Gardner (EUA)Yamaha+ 19.576
9.Xavier Vierge (E)Honda+ 19.937
10.Philipp Öttl (D)Ducati+ 19.986
11.Iker Lecuona (E)Honda+ 22.640
12.Loris Baz (F)BMW+27.073
13.Lorenzo Baldassarri (I)Yamaha+ 27.428
14Hafizh Syahrin (MAL)Honda+ 41.742
15.Hannes Soomer (EST)Honda+ 45.875
16.Isaac Viñales (E)Kawasaki+ 46.219
17.Bradley Ray (GB)Yamaha+55.481
18.Oliver König (CZ)Kawasaki+58.003
*Abandonos de Michael Rinaldi, Scott Redding e Michael VD Marc

CAMPEONATO SBK (APÓS 26 DE 36 CORRIDAS)

1.Álvaro Bautista (E)Ducati467
2.Toprak Razgatlioglu (TR)Yamaha410
3.Jonathan Rea (Reino Unido)Kawasaki290
4.Andrea Locatelli (E)Yamaha256
5.Axel Bassani (I)Ducati219
6.Danilo Petrucci (E)Ducati180
7.Michael Rinaldi (EU)Ducati167
8º.Alex Lowes (Reino Unido)Kawasaki129
9.Dominique Aegerter (CH)Yamaha123
10.Xavier Vierge (E)Honda117
11.Scott Redding (Reino Unido)BMW108
12.Remy Gardner (EUA)Yamaha107
13.Iker Lecuona (E)Honda94
14Garrett Gerloff (EUA)BMW92
15.Philipp Öttl (D)Ducati69
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x