SBK, 2021: Tito Rabat assina pela Ducati Barni

Por a 22 Dezembro 2020 15:30

Tito Rabat torna-se a mais recente contratação na grelha do Mundial de Superbike e fará a sua estreia na Ducati Barni na próxima temporada

“Estou muito entusiasmado com este novo projeto!”

Tito Rabat

O campeão do mundo de Moto2 de 2014 e ex-piloto de MotoGP Tito Rabat vai mudar-se para o Mundial de Superbike para 2021 e pilotar para a Equipa Italiana de Barni a bordo de uma Ducati Panigale V4 R.

O espanhol de 31 anos, natural de Barcelona, obteve 13 vitórias em Moto2, bem como uma no Campeonato e dois terceiros lugares na geral, antes de conseguir seis top 10 no MotoGP, de 2016 a 2020, com um melhor resultado de sétimo.

Rabat entrou na competição do Campeonato Mundial em 2005 como wildcard antes de marcar os seus primeiros pontos nas 125 durante a temporada de 2006. Em seguida, subiu ao seu primeiro pódio na classe na China em 2007, com o pódio seguinte a não chegar até 2010, quando foi sexto na geral.

Em 2011, subiu para o Moto2 e foi um sucesso imediato, tendo um pódio em Indianápolis, bem como vários resultados no top 10. Em 2012, mais presenças no pódio e a consistência melhorou, enquanto 2013 recebeu Rabat como vencedor e uma ameaça ao Campeonato, terminando em terceiro na geral, enquanto o colega de equipa Pol Espargaró assumiu o título.

2014 foi a temporada de avanços de Rabat, pois terminou todas as corridas dentro dos oito primeiros; as primeiras sete corridas viram quatro vitórias, mais dois pódios e um quarto.

Uma temporada dominante levou-o a vencer o Campeonato com 57 pontos sobre o colega de equipa Mika Kallio.

Em 2015, Rabat tentou defender o seu título, mas cedeu a coroa a Johann Zarco, terminando em terceiro na geral antes de se mudar para o MotoGP em 2016, ocupando um top 10 apenas na sua segunda corrida.

Infelizmente, Rabat não seria capaz de converter o seu domínio de Moto2 em ritmo consistente de corrida em MotoGP, mas um novo desafio espera-o agora nas SBK, onde se juntará aos ex-rivais do MotoGP Scott Redding (Ducati Aruba) e Álvaro Bautista (Team HRC).

Falando sobre o novo desafio emocionante, Rabat afirmou a sua pretensão antes de 2021:

“Depois de muitos anos no MotoGP, terei a oportunidade de começar uma nova aventura nas SBK e quero mostrar todo o meu potencial neste Campeonato. Sei que terei à minha disposição uma grande moto e uma boa equipa, por esta oportunidade quero agradecer à Barni e à Ducati. Para mim, o novo desafio começou hoje quando me sentei na Ducati Panigale V4 R pela primeira vez. Mal posso esperar para seguir em frente, e vou trabalhar arduamente para estar preparado para o primeiro teste.”

Tendo trabalhado ao lado de pilotos como Fores, Michele Pirro e Danilo Petrucci, vencedor de corridas em MotoGP, a Equipa Barni sabe o que é preciso para alcançar o sucesso.

O diretor da equipa, Marco Barnabò, orgulha-se da sua contratação:

“Estou muito feliz com o acordo com o Tito porque quando falei com ele vi a mesma abordagem que nós ao trabalho: grande empenho e determinação para tentar alcançar objetivos ambiciosos. Toda a nossa equipa está pronta para fazer o seu melhor para o colocar nas melhores condições para alcançar bons resultados.”

Paolo Cibatti, Diretor Desportivo da Ducati Corse, acrescentou:

“Estamos muito felizes com o acordo entre Marco Barnabò e Tito Rabat. Desde há muitos anos que a Barni Racing Team é uma realidade consolidada como equipa satélite da Ducati em Superbike e estamos certos de que em 2021 a formação será capaz de colocar Tito nas melhores condições para expressar todo o seu talento. Rabat chega ao Mundial de SBK motivado para alcançar resultados importantes e estamos certos de que pode contar com o apoio máximo da Barni.”

0 0 vote
Article Rating
1 Comentário
antigo
recente mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
alessandrohansenvargas
alessandrohansenvargas
3 meses atrás

Difícil de entender o Tito, campeão e depois decaiu de forma clara seu desempenho ainda na Moto2, antes de subir com a Marc VDS em 2016 e nunca sequer corresponder a “sua própria sombra” que um dia foi…
Tomara que recupere “algo” que ficou lá atrás e reedite o ímpeto daquele campeão de 2014!

Ensaios
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
Motomais
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x