MotoGP 2020: 20 anos de Rossi na Classe Rainha

Por a 11 Março 2020 14:00

Valentino Rossi falou há pouco da sua estreia nas 500 da classe rainha, e da estreia no primeiro GP há exatamente 20 anos:

“Foi um momento espetacular da minha carreira porque em 200 cheguei das 250 e aterrei nas 500, as 500 que eram uma espécie de moto mitológica para todos os pilotos…”

“Eu queria ganhar o Campeonato, assegurar que podia vencer, e tive um excelente proposta da Honda, uma grande proposta, porque nesse momento a Honda era a melhor moto…”

“Fiquei com uma moto NSR de Grand Prix da Honda, “herdei” toda a equipa de Mick Doohan- alguns ainda hoje estão comigo! – porque no ano anterior, em 99, o Mick tinha tido um grande acidente em Jerez que lhe acabou com a carreira e isso acabou por ser muito bom para mim, porque com o Jeremy (Burgess) e o resto dos tipos da equipa tinha muita experiência em meu redor. A primeira vez que testei a Honda 500 foi em Jerez em Novembro e foi uma grande emoção, porque a moto era mesmo, mesmo forte… Testámos a moto e fizemos bons tempos, mais rápidos que os da corrida nessa altura e foi um bom teste…”

O momento tinha chegado e o primeiro Grande Prémio seria poucas semanas depois em Welkom, na África do Sul:

“Arranquei bastante mal e tinha um grupo, para aí com 5 ou 6 motos à minha frente e recuperei, cheguei à frente com a volta mais rápida e quando ultrapassei para liderar, claro, caí…”

“Foi uma pena, porque nas primeiras 2 ou 3 corridas, perdi vantagem e perdi o Campeonato para o Kenny Júnior, porque ele marcou uma data de pontos e eu nada, cai outra vez na segunda corrida… Foi chato, porque pelo fim do Campeonato não era assim tão rápido, não fui capaz de ganhar do começo, mas era a minha primeira época e fui capaz de ganhar a minha primeira corrida com a 500, depois ganhei a segunda no Rio, e a emoção foi incrível!”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x