MotoGP, Fabio Di Giannantonio: “A Sprint Race não me intimida, será nova para todos”

Por a 22 Janeiro 2023 17:59

Fabio Di Giannantonio, 24 anos, vai para o seu segundo ano na categoria rainha com a Gresini Racing e acredita que com o novo chefe de equipa (ex-Suzuki) terá uma importante ajuda durante uma temporada em que vai apontar aos cinco primeiros.

“Começamos 2023 com uma pitada mais de vermelho na moto, o que significa determinação, paixão, fogo… Estou ansioso por continuar a crescer e fazer bem. Queremos levar esta nova temporada corrida por corrida: os dez primeiros devem ser a ocorrência regular, enquanto os cinco primeiros devem ser um objectivo realista”, começou por referir ‘Diggia, que conta para a nova temporada com um novo ‘team lider’.

“Ao meu lado terei um antigo chefe de equipa da Suzuki, o Frankie Carhedì que vem da equipa Ecstar onde trabalhou com o Joan Mir. Fizemos o teste de Valência junto e correu bem. O objetivo é aproveitar a sua enorme experiência, evitando possíveis erros durante o fim-de-semana de corrida. Além disso, outra coisa notável é que vou ter como moto a GP22″.

Di Giannatonio aponta para um objetivo ambicioso na sua segunda temporada com a Gresini.

“Na verdade, a nova moto não é tão diferente – observa – mas algumas coisas apareceram imediatamente no teste para serem melhoradas. Pela minha parte, vou continuar o processo aprendendo e crescendo, tentando fazer mais. O objetivo é chegar consistentemente aos pontos, depois aos dez primeiros e finalmente aos cinco primeiros. De qualquer forma, continuo realista e com os pés assente no chão”, disse.

“Passo a passo quero ir em frente, mas a equipa e eu precisamos de tempo. O nível da categoria rainha é muito alto. Claro, tenho de aprender com o que estava errado no passado. Lutamos um pouco, mas sabemos o quanto bom é o nosso potencial. Tenho certeza que faremos um ótimo trabalho.”

Quanto ao novo formato do fim-de-semana com a Sprint Race no sábado, essa mudança não intimida o #49 da equipa de Faenza.

“A Sprint Race não me intimida, será nova para todos e não creio que exija um estilo de pilotagem particular. Da minha parte, terei o desejo de melhorar as minhas ações na moto, o meu nível em geral na condução. Durante o inverno definimos algumas metas: ser mais focado, forte e incisivo”. Conclui o jovem piloto italiano.

0 0 votes
Article Rating
This site uses User Verification plugin to reduce spam. See how your comment data is processed.
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x