MotoGP, 2021, Sachsenring: Rins e Espargaró à Q2

Por a 19 Junho 2021 13:48

As Suzuki lutaram para dominar a Q1, mas as suas aspirações a primeiro e segundo foram contrariadas pela carga de Pol Espargaró para segundo numa sessão cheia de quedas

A Q1 de Moto GP foi atrasada uns minutos por uma falha de eletricidade nas boxes, e iria ter alguns participantes pouco habituais, com a presença de Francesco Bagnaia, Maverick Viñales, Alex Rins, Pol Espargaró, Brad Binder ou Morbidelli.
De facto, a surpresa inicial foi a liderança conjunta de Savadori e Marini, mas as coisas dificilmente iriam ficar por aí e logo a seguir eram as Suzuki primeiro e segundo com Rins e Mir.


Depois, viria Pol Espargaró e a dupla das Suzuki, com Rins à frente, aguentou no miolo da sessão, enquanto Savadori vinha ter uma grande queda e Joan Mir atacava para colocar as Suzuki primeiro e segundo de novo.
Foi sol de pouca dura, pois a três minutos do fim, Pol Espargaró veio para a frente de novo e Petrucci irritava-se com Bastianini por lhe atrapalhar uma volta rápida…
Ainda não estava acabado, pois Rins regressou ao comando com Marini a atacar para terceiro e Rossi atrás em quarto.
Quando o ataque final de Binder para terceiro coincidiu com as quedas de Morbidelli e Lecuona a impedir voltas rápidas a partir daí, a passagem de Rins e Espargaró estava assegurada e Viñales, em penúltimo, garantia uma posição de vigésimo primeiro, a sua pior qualificação em MotoGP!



0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x