MotoGP, 2021, Jerez: Stefan Bradl: “A segunda fila é possível”

Por a 1 Maio 2021 12:31

“Se as coisas correrem na perfeição, um lugar na segunda fila após o Q2 é possível”, disse Stefan Bradl após o magnífico terceiro lugar no TL3 em Jerez.

O piloto de testes do HRC que participa como wildcard no Grande Prémio de Espanha garantiu esta manhã a esperada entrada direta na Q2, algo que dificilmente se imaginaria, mas a verdade é que o alemão acabou por surpreender tudo e todos. 

“Na pior das hipóteses, posso terminar em 12º, na melhor das hipóteses espero um lugar de largada na segunda fila. Assim fico com dois novos pneus traseiros macios para o Q2″, disse Bradl visivelmente satisfeito.

O experiente piloto alemão que já venceu sete GP’s esperaria um resultado tão fabuloso, entre os três primeiros? “Estou mais do que feliz com essa performance porque foi realmente uma super volta’, disse, salientando a sua volta ‘limpa’ com marcadores vermelhos em todos os quatro setores do circuito de Jerez. “Mas basta ser 1,5 décimos mais lento para ficarmos fora do top 10”.

Confiante para o TL4? “Eu não stresso. Às vezes é mais inteligente não ficarmos a olhar para as tabelas fixamente devido a um bom tempo, porque ao mínimo erro baixamos o resultado obtido”.

O piloto da LCR Honda Taka Nakagami alcançou o melhor tempo na Q3 com um chassis de 2020. “Todos os pilotos da Honda estão na mesma estrada em termos de chassis, mas para o resto das especificações da moto estamos todos na mesma estrada”, concluiu o piloto da HRC. .

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x