MotoGP, 2021: Chaz Davies comenta as dificuldades da Aprilia

Por a 20 Fevereiro 2021 18:00

Candidato preterido ao lugar na Aprilia, Davies não subestima o potencial do fabricante de Noale: “Se a KTM conseguiu, então a Aprilia também pode fazê-lo.”

“A Aprilia seguiu a sua própria estratégia” Chaz Davies

A Aprilia teve de esperar até 10 de novembro de 2020, antes de o Tribunal Internacional do Desporto proferir o seu veredicto no caso de doping de Andrea Iannone. A suspensão do italiano de 31 anos não só não foi levantada, mas alargada a quatro anos por exigência da Agência Mundial Antidoping WADA.

Isto determinou que o fabricante da Noale tinha de ocupar o segundo lugar da equipa de fábrica de MotoGP para 2021 com outro piloto.

Em meados de novembro, o tricampeão da Superbike Chaz Davies (34 anos) que enfrentava um futuro incerto no campeonato mundial de SBK, foi contactado como um possível candidato, mas “decidiram continuar com os nomes conhecidos que têm experiência no MotoGP”, disse o galês, que agora vai competir pela equipa satélite da Ducati Go Eleven no Campeonato do Mundo de Superbike.

No final de novembro de 2020, a equipa de fábrica do Aprilia MotoGP apresentou um plano algo estranho: Com Aleix Espargaró confirmado para 2021, os pilotos de testes Lorenzo Savadori e Bradley Smith iriam lutar pelo segundo lugar disponível durante os testes de inverno.

Só antes da estreia da temporada no Qatar, no final de março, iria ser decidido quem ganharia o contrato permanente.

Entretanto, há muito que sugere que Savadori conseguirá o lugar. Por um lado, é Italiano e por outro, Smith tem sido ligado pelos meios de comunicação com a equipa do Campeonato do Mundo de Superbike Yamaha Ten Kate, mas os holandeses ainda não finalizaram o orçamento e estão ausentes da lista de inscritos provisória.

Quase ninguém pode entender a decisão da Aprilia com o duelo entre os dois pilotos. “Não quero comentar”, disse Davies. “Eles sabem o que têm, mas não sabem o que não têm”, disse o Galês.

“Podia ter sido interessante para eles ponderarem diferentes opções, mas eles seguiram a sua própria estratégia e tiveram razões para isso, que tenho de respeitar. Há sempre potencial para melhorar. Quem esperaria que a KTM em 2020 mostrasse tal temporada? Se conseguiram fazer isso, então a Aprilia também pode. Aleix não fez um mau trabalho e teve algumas corridas boas.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x