MotoGP, 2021, Catalunha: As três vitórias de Oliveira, 1

Por a 9 Junho 2021 18:30

Oliveira vai agora com três vitórias em MotoGP, o que entre o plantel atual o torna dos pilotos mais vencedores

De facto, deixando de lado os pilotos multi-campeões como Marc Márquez ou Valentino Rossi, que pela sua longevidade de carreira e número de títulos e recordes batidos, são claramente um exceção, não há muitos mais múltiplos vencedores na grelha atual.

O que é mais, fruto de circunstâncias muito diversas, um pela sua idade, o outro por ainda estar a recuperar de um afastamento recente por lesão, nenhum desses dois sobredotados estão, realisticamente, em posição de influenciar o desfecho do Campeonato este ano, Márquez em 18 com um total de 16 pontos e Rossi a seguir em 19º com apenas 15.

Isto contra os 115 que o atual líder Quartararo já leva de enfiada.

Dos restantes vencedores, que são 8, um piloto da atualidade destaca-se claramente pelo seu número de vitórias em MotoGP.

Falamos de Maverick Viñales, que fora os que já foram campeões, é o piloto mais vencedor da atualidade.

Viñales vai por nove vitórias em MotoGP, incluindo uma isolada na primeira corrida deste ano, que tem demorado a repetir-se, pois Maverick não tem conseguido aquela tão-almejada regularidade e está apenas em 6º no campeonato, incidentalmente, apenas um lugar acima de Oliveira.

A seguir, teríamos Fábio Quartararo, que entre 2020 e 2021 vai com seis vitórias.

Tal como Miguel Oliveira, e apesar de poles e volta rápidas, nunca venceu na sua primeira época em MotoGP, mesmo tendo liderado várias corridas.

A seguir, há uma série de pilotos empatados em três vitórias com Miguel Oliveira: Morbidelli, com três o ano passado, Miller com duas consecutivas este ano em Jerez e Le Mans, depois de um começo de época assim-assim, e uma só anterior à  chuva em Assen, acabando um interregno de 4 anos sem vencedores australianos em MotoGP.

Ainda empatado no mesmo número, temos Alex Rins, que este ano está a perder andamento a olhos vistos, caindo cada vez que parece a caminho de um bom resultado, e como tal também está apenas em 15º na caça ao título.

Isso dá conta dos pilotos empatados com Oliveira em três vitórias e o resto está abaixo: Petrucci tem duas, e Joan Mir apenas uma, apesar do seu título mundial, a que se junta também a vitória solitária de Brad Binder em Brno o ano passado, que teve o mérito de ser a primeira de sempre da KTM…

Nenhum dos outros pilotos na grelha, incluindo candidatos fortíssimos como Zarco, Bagnaia, Nakagami ou Pol Espargaró, venceu ainda.

Um caso ainda mais estranho é o irmão Aleix Espargaró, que ascendeu através da hierarquia para chegar à MotoGP (ser milionário ajuda muito!) sem nunca vencer um Grande Prémio nas três classes.

(continua)

5 1 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x