MotoGP, 2020,Portimão: Lorenzo cumprimenta Mir

Por a 17 Novembro 2020 14:00

O multi-campeão Jorge Lorenzo, também de Maiorca, fez questão de entrar na conferência de imprensa da vitória de Mir para o felicitar

“dizia que não estava nervoso, mas claro que por dentro estava cheio de nervos!”

Jorge Lorenzo entrou em direto na conferência de imprensa de Joan Mir depois da sua histórica vitória, e após um momento inicial em que os dois brincaram com as possibilidades de utilizar a língua espanhola, inglesa ou dialeto maiorquino, e decidir pelo inglês, o três vezes campeão mundial de MotoGP elogiou sem reservas o novo campeão mundial:

“Aqueles que dizem que não foste um campeão digno porque só ganhaste uma corrida, não concordo com eles, por tu dominaste o Campeonato todo, sempre foste mais consistente e é um grande orgulho ter outro Maiorquino Campeão!”

“Também fizeste história, porque 20 anos para a Suzuki sem um campeonato são muitos anos, e por outro lado, tu tornaste-te o Terceiro campeão Espanhol de MotoGP, sem esquecer o Crivillé, que o foi nas 500.

“Também venceste apenas na tua segunda época, e fizeste-o com muita calma, aguentando a pressão, o que é notável para um jovem de 23 anos, que agora se tornou um homem, um veterano.

Permite que te dê um conselho, toma o tempo para te divertires ao máximo, celebra como um maluco, porque tens 23 anos, tens muitos, muitos anos para ganhar mais corridas e mais títulos mundiais, mas nunca se sabe o que pode acontecer neste desporto, por isso, agora, goza!”

“Tira uma semana, duas semanas, passa-as com a tua família, os teus amigos, é um momento muito especial e muito difícil de obter, portanto, muitos, muitos, parabéns por este dia!”

A que Mir replicou:

“Obrigado Jorge, sempre foste uma referência para mim, encaravas as corridas com uma serenidade que eu sempre admirei, provavelmente quando eu estava a ver-te ganhar primeiro nem sequer estava no Mundial, depois estava nas categorias mais pequenas, mas tu sempre mostraste uma força mental que admiro!”

Acho que nesses momentos, é aquilo que dizemos e não aquilo que pensamos, porque eu da boca para fora estava a dizer que não estava nervoso que não tinha pressão, mas claro que por dentro estava cheio de nervos e com muita pressão, mas estava a mostrar uma cara muito diferente e tu foste o primeiro que foi suficientemente inteligente para utilizar isso!”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Autosport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x