Moto GP, 2020: British Talent Cup testou em Jerez

Por a 4 Março 2020 15:30

 

 

 

 

 

Dois dias de testes para a British Talent Cup já terminaram no Circuito de Jerez-Angel Nieto, e há definitivamente um homem no comando das folhas de tempos quando avançamos para a temporada propriamente dita: Casey O’Gorman (Microlise Cresswell Racing).

O número 72 ficou quase um segundo e meio isolado nas folhas de tempos combinadas, com a sua concorrência mais próxima a vir de Evan Belford (Fab Racing) em segundo e Charlie Farrer (Victoria House Academy/Mortimer Racing) em terceiro, enquanto os tempos por volta se definiam.

O tempo permitiu que o pelotão experimentasse tempo seco e húmido, com chuva noturna deixando a pista húmida a cada manhã – algo que, dado o tempo britânico assim que o BTC regressar a casa em breve para correr, pode muito bem ser a chave.

Os pilotos aproveitaram, portanto, todo o tempo de pista disponível, e apesar de ser O’Gorman a ficar por cima por uma margem, a competição foi apertada durante do teste – com muitos a não terem experiência prévia numa máquina de Moto3.

Atrás dos três primeiros ficou Max Cook, o piloto da Junior Talent Team, ao terminar a prova a um décimo de Farrer. Corey Tinker (GR Motosport Brent Gladwin) foi o próximo e completou o top 5, apenas meio décimo em atraso, à frente de Harvey Claridge (Nova/SP125 Racing) e Eddie O’Shea (Davies Motorsport).

Bailey Stuart-Campbell (151S S-C Racing), Franco Bourne (Franco Bourne Racing/SP125) e Ryan Hitchcock (Rdh Racing) completaram o top 10.

Alex Baldolini, Treinador de Pilotos da Dorna, disse:

“O teste foi muito útil para os pilotos, para alguns deles foi a sua primeira vez a andar numa máquina de Moto3. Em ambos os dias de manhã a pista esteve molhada após a chuva durante a noite, por isso os pilotos também tiveram a oportunidade de testar com o traçado molhado. Penso que isso será muito útil no futuro. Felizmente, o tempo melhorou em ambos os dias e os pilotos conseguiram andar no seco.”

“Estou muito feliz com o teste, todos os pilotos melhoraram as suas voltas ao longo dos dois dias e a diferença entre o mais rápido e o resto do grupo tem vindo a reduzir sessão por sessão, o que é um grande positivo do meu ponto de vista.”

A British Talent Cup vai correr pela primeira vez em 2020, de 10 a 12 de Abril

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto3
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x