Moto2 – Miguel Oliveira: “Foi um fim de semana complicado”

Por a 18 Março 2018 17:55

Com um pôr do sol nas areias do deserto saudita como palco de fundo arrancou este domingo o Mundial de Moto2, com a realização do GP do Qatar no Circuito Internacional de Losail. Naquela que é a única e tradicional prova nocturna do Campeonato, Miguel Oliveira conseguiu o 5º lugar e os seus primeiros  11 pontos na classificação geral do campeonato.

O piloto português da Red Bull KTM Ajo saiu do quarto lugar da grelha de partida, realizou uma boa largada, mas um erro inicial na travagem, logo a chegar à primeira curva, empurrou-o para 8º lugar.

Estava então aberta a batalha, com Miguel Oliveira a ter de cavalgar posições ao longo das 20 voltas de corrida, para chegar o mais à frente possível.

A aderência traseira foi uma preocupação ao longo de toda a corrida, sobretudo devido à baixa das temperaturas e ao vento também bastante presente. Mas o piloto de português manteve sempre um ritmo seguro e constante, tendo conseguido, após uma longa batalha com Marcel Shrotter e o seu colega de equipa Brad Binder, segurar o 5º lugar, a quatro voltas da bandeira de xadrez, recuperando assim três posições desde o seu arranque e terminando a primeira corrida do ano dentro do top 5.

“Foi um fim de semana complicado, tivemos sempre dentro do Top 5, o que foi positivo, mas na corrida acabámos por sofrer muito com a parte traseira da moto. Não estava à espera que a moto deslizasse tanto como deslizou. Estou desapontado com isso, porque, se tivéssemos uma melhor aderência atrás conseguiríamos, sem dúvida, estar com os pilotos da frente. Mas, bom, temos algo para trabalhar e agora temos duas semanas para pensar na corrida que fizemos e voltar mais fortes na Argentina”, sublinhou Miguel Oliveira no final do GP do Qatar.

O piloto da KTM traçou ainda o objectivo para a Argentina que passa por melhorar a moto: “A combinação de pneus muito duros e a descida da temperatura fez-nos ir perdendo aderência, ainda assim, terminar em 5º lugar foi positivo e é um começo sólido deste longo campeonato”.

A 2ª ronda do Mundial de Moto2 terá lugar de  6 a 8 de abril, na Argentina, onde em 2017 Miguel Oliveira conquistou o 2º lugar e o 1º pódio do campeonato.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto2
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x