Álex Rins, a promessa espanhola

Por a 26 Dezembro 2015 14:37

Álex Rins é uma das maiores promessas do motociclismo espanhol. O piloto catalão esteve em destaque na temporada de 2015 ao terminar no segundo lugar o Mundial de Moto2, naquele que foi o seu ano de estreia nesta categoria.

Nascido a 8 de de dezembro de 1995, Álex Rins recebeu aos três anos um quad. No entanto, o seu primeiro contacto com o mundo das duas rodas surge ao seis anos, quando incentivado por três amigos esteve aos comandos de uma Lem. O jovem Rins ficou fascinado que colocou de parte o seu quad e forçou os seus pais a comprar uma moto, uma KTM de 50cc.

A sua estreia em competição dá-se em 2005, sendo que dois anos mais tarde Rins vence os seus dois primeiros títulos, sagrando-se campeão Mediterrânico de 80cc, campeão catalão de 80cc. campeão Promo de 70cc para além de ter vencido as 12 Horas de Vic.

No ano seguinte Álex Rins ficou em branco, mas em 2009 voltou aos títulos, vencendo o campeonato da Catalunha Pré 125cc GP. Em 2010,o piloto de Barcelona ruma ao Campeonato Espanhol de Velocidade, acabando no terceiro lugar na categoria de 125cc. O título acabaria por chegar em 2011.

O natural salto para o Mundial de Motociclismo surge em 2012. Ao serviço da Estrella Galicia, Rins ruma ao Moto3, onde foi companheiro de equipa de Miguel Oliveira. Logo na sua segunda prova conquistou a pole position, enquanto que duas provas depois subiu pela primeira vez ao pódio. Rins terminou no terceiro posto o Grande Prémio de França, no traçado de Le Mans-Bugatti. Até ao final da época demonstrou uma boa consistência, o que permitiu concluir a época num positivo quinto lugar.

Em 2013, Álex Rins continuou ao serviço da Estrella Galicia, mas trocou a Suter pela KTM. Rins estreou-se a vencer em Austin, tendo juntado mais cinco triunfos, o que perfez um total de 14 pódios. A estes impressionantes números, o jovem piloto de Barcelona agregou oito poles. No final do campeonato, terminou no segundo lugar a 12 pontos do campeão, Maverick Viñales.

Na época seguinte Rins permaneceu na mesma força, mas novamente com uma moto diferente. Aos comandos de uma Honda, o piloto espanhol esteve um pouco abaixo em comparação com a época transata, garantindo dois triunfos e duas poles. Nas contas finais do campeonato, o então piloto da Estrella Galicia ficou com o terceiro posto mas longe do novo campeão, Álex Márquez.

Depois de três épocas no Moto3, Álex Rins mudou-se para o Moto2 na última época. O piloto de Barcelona representou as cores da equipa de Sito Pons, tendo impressionado tudo e todos. Duas vitórias e um total de 10 pódios permitiram terminar o campeonato no segundo lugar, tendo sido apenas batido por Johann Zarco. No final da temporada, o prémio de ´Rookie do ano´ é apenas o reconhecimento de uma época, em que o piloto de Barcelona demonstrou que é uma das promessas do motociclismo espanhol.

Para 2016 Rins parte como um dos favoritos à conquista do título e um dos nomes a reter, numa categoria que é conhecida por servir de trampolim para a classe-rainha.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Moto2
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x