SSP 300, 2021, Catalunha: Buis vence Sofuoglu com queda de Booth-Amos

Por a 18 Setembro 2021 14:36

O Campeão reinante reclamou a vitória por um décimo de segundo na sua Kawasaki, à frente da estrela turca Bahattin Sofuoglu da Yamaha

Foi uma corrida à linha para decidir múltiplas posições no Campeonato Mundial de Supersport 300 no Circuito de Barcelona-Catalunya, com o Campeão Jeffrey Buis (Kawasaki MTM) reclamando a sua segunda vitória da campanha de 2021 por apenas um décimo de segundo à frente de Bahattin Sofuoglu (Biblion Yamaha Motoxracing) enquanto o concorrente ao Campeonato Tom Booth-Amos (Kawasaki SKM) não marcou pontos após uma queda na Curva 1.

Buis fez a sua jogada na última das 12 voltas para reivindicar a sua sexta vitória nas SSP300, fechando a diferença para Booth-Amos e o companheiro de equipa Adrian Huertas na classificação do Campeonato.

Buis terminou à frente de Sofuoglu por apenas 0,116s, e a estrela turca reclamou o seu primeiro pódio desde a visita das SSP300 a Magny-Cours em 2020.

A batalha pelo terceiro lugar foi entre os irmãos brasileiros Ton e Meikon Kawakami (AD78 Team Brasil by MS Racing) com apenas 0,004s a separar o par ao cruzarem a linha, com Ton a reclamar o seu primeiro pódio de SSP300 e a nivelar as coisas entre os dois irmãos, dois décimos atrás de Sofuoglu e Meikon a reclamar o quarto lugar.

O wildcard Álvaro Diaz Cebrian (Arco-Motor University Team) garantiu um lugar entre os cinco primeiros, a pouco menos de um décimo de um primeiro lugar no pódio.

O pole Inigo Iglesias (SMW Racing) terminou a corrida no sexto lugar com o líder do Campeonato Huertas em sétimo; Huertas ganhou pontos em relação a Booth-Amos na classificação do Campeonato, após a não pontuação do britânico.

Booth-Amos foi o primeiro piloto a retirar-se da corrida quando esteve envolvido numa colisão com Oliver König (Movisio by MIE) e Sofuoglu na Curva 1 na Volta 4, forçando o piloto britânico a sair da corrida enquanto König e Sofuoglu conseguiram continuar. Após o acidente, Booth-Amos foi levado ao centro médico para um check-up e declarado inapto, com uma fractura no seu primeiro metacarpo direito.

König acabaria por se retirar da corrida após um acidente na Curva 10 na Volta 10.

Yeray Ruiz (Yamaha MS Racing) correu no grupo da frente durante toda a corrida e terminou a batalha no nono lugar, três décimos à frente do compatriota espanhol Alejandro Carrion (Projecto GP Kawasaki) que completou os dez primeiros.

Atrás, Santi Duarte defendeu-se como pode para acabar em 34º.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Mundial Supersport
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x