SBK, 2021: Cavalieri é o segundo rookie na Kawasaki Pedercini

Por a 8 Fevereiro 2021 16:30

A formação volta a colocar duas motos na grelha, e Samuele Cavalieri torna-se no nono estreante no Mundial de Superbikes para 2021, ao entrar na sua primeira temporada completa

“O primeiro objetivo é ganhar experiência, pois há muitos circuitos que só vi na PlayStation!” Samuele Cavalieri

O jovem italiano Samuele Cavalieri é a mais recente adição à grelha do Campeonato do Mundo de Superbike Motul de 2021, ao completar um conjunto de rookies na Kawasaki Pedercini.

A equipa italiana, que também vai ter o craque belga Loris Cresson (acima) em 2021, expande as suas operações e presença no paddock das SBK de 2021 para duas motas, algo que não fazem desde 2016.

Com Cavalieri com apenas 23 anos e o seu companheiro de equipa Cresson apenas 22, são dois dos pilotos mais jovens das SBK em 2021, com apenas Axel Bassani (Motocorsa Racing) mais novo do que ambos, com 21 anos.

Cavalieri estreou-se pela primeira vez nas SBK em 2019 como wildcard na Motocorsa Racing no Circuito Mundial de Misano “Marco Simoncelli” e marcou dois 13os. lugares.

Foi também suplente em 2020 na Barni Racing Team, mas não conseguiu entrar na tabela de resultados. Com uma campanha completa em motos Kawasaki no horizonte, Cavalieri procurará fazer progressos ao longo da temporada.

Depois de ter sido vice-campeão da CIV Superbike em 2020 com inúmeros pódios, espera desenvolver ainda mais as suas habilidades no palco mundial esta temporada, chegando com a nova ZX-10RR. 

Animado pela a sua primeira temporada completa, o jovem de 23 anos, de Bolonha disse:

“Estou incrivelmente feliz e entusiasmado por me juntar à Pedercini Racing para a minha primeira temporada no Mundial de Superbike. Será a minha primeira temporada com a Kawasaki. Lançaram uma nova moto que teremos, e estou curioso para experimentá-la o mais rápido possível.”

“O primeiro objetivo é ganhar experiência, pois há muitos circuitos que nunca vi, só na PlayStation. É importante levar as coisas passo a passo e melhorar o desempenho. Obrigado à equipa e ao Lucio por me terem dado esta oportunidade e a todos os patrocinadores que tornaram possível.”

Comentando a expansão para dois pilotos e receber Cavalieri na equipa, o dono da equipa, Lucio Pedercini, afirmou: “Estou feliz por receber Samuele na equipa ao lado de Loris para 2021. Ter dois jovens pilotos na equipa tem sido, durante muito tempo, ideia minha e tenho a certeza que ambos se vão ajudar mutuamente. Quando cheguei ao Paddock do Mundial de Superbikes, em 1998, nos dois primeiros anos, estava sozinho, mas a partir de 2000 corremos com três pilotos até 2016, quando corremos com dois.”

“Vou dar o meu melhor para ajudá-los a melhorar e progredir com as suas carreiras de corrida, pois precisamos de ver novos e jovens talentos a passar. Também é bom ter um piloto italiano na equipa. Samuele é um talento, terminou em segundo no campeonato italiano atrás de Lorenzo Savadori, que conheço muito bem, assim como todos dentro da equipa. Samuele é a melhor escolha para juntar a Loris para esta nova temporada emocionante e mal podemos esperar para começar a nossa aventura juntos.”

Cavalieri torna-se o nono estreante na grelha num ano que verá muitos rostos frescos agraciarem a pista de corridas. Juntamente com isto, expande a presença da Kawasaki na grelha, algo que será crucial para o fabricante japonês, uma vez que vão usar o novo modelo da Kawasaki ZX-10RR no Campeonato Mundial de Superbike este ano.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x