CNV, Portimão 2, SSP300: Federação explica a desclassificação das Kawasaki

Por a 17 Agosto 2020 17:51

Na sequência da desclassificação das Kawasaki no Nacional de Supersport 300, e tendo apresentado a versão do piloto Tomás Alonso, quisemos saber exatamente qual a razão por detrás da decisão.

Assim, contactámos Nuno Campos, Comissário Técnico da FMP para a velocidade, que explicou as causas da desclassificação em algum detalhe.

Aqui, cabe explicar que as Kawasaki Ninja 400 têm 399cc e 45 cavalos de origem, contra os 42 cavalos da Yamaha R3 de 321cc. Assim, existe um handicap no regulamento que visa equalizar o desempenho dos diferentes modelos, embora para simplicidade só referimos aqui as Kawasaki e Yamaha que, de facto, no nosso campeonato, são a totalidade da grelha.

Este handicap toma a forma de um restritor à admissão da mais potente Kawasaki, na prática uma chapinha colocada ao nível da admissão entre a injecção e a cabeça do motor, com um diâmetro ligeiramente inferior. Terá sido esta peça que foi removida nas motos em questão.

Nuno Campos explicou:

“As Kawasaki em questão foram desclassificadas ao abrigo do artigo 2.2 do nosso regulamento, que é idêntico ao do Mundial de Supersport. Isto prende-se com a remoção dos restritores à admissão. Eles próprios (as equipas, n. do r.) admitiram que não tinham os restritores instalados, nem foi preciso abrir as motos.”

“Os restritores são fornecidos pela FIM através da Federação a cada equipa, e foram mandados fazer em Inglaterra, visto que eu tenho uma excelente relação com o Scott Smart da Direção Técnica das SBK, que nos ofereceu fabricá-los para Portugal ao mesmo tempo que os deles. O nosso regulamento é ipsis-verbis idêntico ao do Mundial, exceto no que respeita à junta da cabeça, onde é igual ao de Espanha.”

“Como era previsível que muitos dos nossos concorrentes fossem fazer provas em Espanha, não queríamos adicionar essa complicação à participação deles, e então nesse aspeto adotámos o regulamento de Espanha, que permite mudar a junta da cabeça, que é livre, para comprimir um pouco mais a moto, de resto o regulamento é absolutamente idêntico!”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Nacional Velocidade
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x