SBK Nova Zelândia: Hoogenboezem regressa de queda para liderar

Por a 10 Março 2020 15:30

O piloto da Nova Zelândia Alastair Hoogenboezem recuperou de uma queda espetacular para se manter na corrida para prestigiada coroa de Superbike do país antípoda.

Hoogenboezem foi atirado ao chão durante a corrida de abertura do fim-de-semana, envolvido numa queda violenta com outro piloto em Hampton Downs, no Sábado, mas escapou apenas com hematomas no cotovelo e na anca.

“Toquei noutro piloto – apenas um daqueles incidentes de corrida. Infelizmente, fui eu que levei a maior parte do golpe e fui desviado para a esquerda e estava a ir em direção à parede. Consegui diminuir o ângulo do impacto na parede, mas nessa altura já estava na relva e tive uma queda pesada”, disse Hoogenboezem.

Os seus mecânicos da equipa Yamaha Motor New Zealand trabalharam a maior parte da noite para preparar a sua Yamaha YZF-R1 para a corrida principal de Domingo , onde estava em jogo a coroa de SBK da Nova Zelândia.

Depois de uma primeira volta hesitante, Hoogenboezem recuperou a confiança e terminou em terceiro na corrida inicial de Domingo.

Quando a manga de Superbikes que iria decidir a coroa da NZ arrancou, Hoogenboezem estava em quarto, antes de fazer um par de passes para subir até o segundo lugar atrás do líder da corrida, Scotty Moir.

“A algumas voltas do fim, estava a alcançar o Scotty [Moir], que liderou a maior parte da corrida e cheguei ainda mais perto e até à linha, no final, passei-o na aspiração para ir buscar um troféu NZTT”, disse Hoogenboezem.

Após três rondas do Campeonato neozelandês de Superbike (NZSBK), Hoogenboezem lidera com três pontos sobre Moir rumo às duas últimas rondas em Manfield (28 e 29 de Março).

Com o nos primeiros anos das SBK o Campeonato visita a Nova Zelândia (Manfield e Oran Park) e pilotos como Aaron Slight ou Simon Crafar andaram em destaque nas séries, se calhar  Hoogenboezem é um nome a fixar!

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png