SBK, Lowes: Não estou preocupado com a renovação

Por a 18 Julho 2019 15:30

Não tenho nenhuma cláusula de renovação automática no contrato, mas nem a minha velocidade nem o meu empenho estão em causa, o que temos é de trabalhar na estabilidade da moto em travagem!” -disse Lowes a propósito da eventual renovação do seu contrato com a Yamaha Pata para o Mundial de SBK.

Fresco de uma 4ª posição na segunda corrida em Laguna Seca, o Inglês ainda não está confirmado na equipa oficial da formação de Ywata para o ano que vem, mas nem por isso parece preocupado:

“A renovação não me preocupa, simplesmente ainda não aconteceu… Tive um fim-de-semana difícil em Jereze e caí em Misano quando ía à frente, mas aparte isso, acho que os meus resultados têm sido positivos, como aqui (EUA) quando acabei como primeira Yamaha, por isso acho que a minha prestação não está em causa… senão, vou ficar por aqui e jogar golf” – adiantou o piloto de Lincolnshire, bem humorado.

Outro ponto chave é a próxima participação de Lowes nas 8H de Suzuka, onde a Yamaha está à procura de uma quinta vitoria consecutiva. “Claro que tenho um plano B, agora temos Suzuka e depois vou gozar umas férias, mas gostava de ficar com a Yamaha, sinto-me em casa e trabalhamos muito, não creio ter nada com que me preocupar…”

“Todas as Yamaha tiveram algumas dificuldades nesta prova, temos de perceber onde podemos melhorar. Por mim, mantive um bom ritmo de corrida, semelhante aos mais rápidos. O Sykes era ligeiramente mais rápido do que eu em certos setores, mas conseguiu gerir a situação e ficar à frente dele”.

Em termos da sua R1, Lowes acrescentou ainda : “A nossa moto é provavelmente a melhor a virar, mas temos de melhorar em aceleração e aumentar a estabilidade… quando temos aderência, temos boa velocidade em curva, mas quando não temos, as coisas complicam-se… Temos de trabalhar na ciclística e na eletrónica para ajudar, sem comprometer os nossos pontos fortes, ou seja, a nossa velocidade em curva. Até certo ponto, a moto portou-se bem hoje, depois começou a escorregar muito dum lado para o outro e isso afetou os meus tempos por volta.”

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png