SBK 2020: Mercado com nova equipa Italiana

Por a 28 Novembro 2019 16:30

A Team Motocorsa Racing confirmou oficialmente a sua mudança para o Campeonato Mundial de Superbike Motul em 2020, depois de testar as águas na última temporada com duas entradas bem sucedidas de wild cards. A sensação argentina Leandro ‘Tati’ Mercado é o par de mãos seguro que a equipa italiana escolheu para esta nova aventura.

A Team Motocorsa Racing entrará para a grelha em Março, no Circuito de Jerez – Ángel Nieto, e estará pronta para competir pelo menos nas dez rondas europeias, com uma participação internacional extra para a ronda de Mercado em San Juan. A equipa perderá as rondas da Austrália e do Qatar, usando esse tempo para se preparar melhor para a primeira etapa na Europa.

Em 2019, a equipa realizou uma única corrida com um wild card nas duas rondas italianas em Imola e Misano. Lorenzo Zanetti foi o primeiro piloto a pilotar a Ducati V4 R em Imola, conseguindo uma fantástica 9ª posição na Corrida 1.

Samuele Cavalieri seguiu duas rondas depois em Misano, com dois 13ªs posições nas corridas de fundo.

Para Mercado, esta será a sua quarta temporada consecutiva na série, depois de um ano com a IodaRacing e dois com a Kawasaki da Orelac VerdNatura. Antes disso, o piloto de 27 anos conseguiu conquistar o título de Superstock Europeu de 2014 a bordo de uma Ducati. O argentino também competiu numa Panigale em SBK em 2015, embora esta vá ser a sua primeira experiência na V4 R.

Após dois anos numa Kawasaki ZX-10RR, Mercado está mais do que pronto para 2020: “Estou realmente satisfeito por poder competir com a Team Motocorsa e voltar a pilotar uma Ducati. Conheço Lorenzo Mauri há vários anos, temos os mesmos objetivos e, finalmente, podemos correr juntos. Estou convencido de que trabalharemos duro para alcançar excelentes resultados juntos. Mal posso esperar para começar os testes de inverno em Janeiro e finalmente experimentar a Ducati V4 R. Quero agradecer a todos os nossos patrocinadores e à Motul por tornarem esse projeto possível. ”

Lorenzo Mauri, gestor da equipa Motocorsa Racing, está igualmente entusiasmado: “Estamos cientes do tamanho do desafio, mas estamos animados por começar esta nova aventura. Quero agradecer à Ducati, à Motul e a todos os nossos parceiros por nos darem essa oportunidade. Escusado será dizer que todos os envolvidos nesta primeira temporada vão dar 100%. Eu sigo o Mercado há mais de dois anos e, finalmente, ele será nosso piloto em 2020. É um piloto jovem e maduro, ideal para enfrentar esse enorme desafio, considerando o nível de competitividade actual nas SBK. Todos os membros de nossa equipa compartilham esse mesmo espírito competitivo. Vamos correr corrida a corrida, com humildade, mas sem medo de enfrentar o desafio ”.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Mundial Superbikes
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png