Dakar 2018: Rosa Romero assustou-se com acidente de Nani Roma

Por a 9 Janeiro 2018 10:44

A etapa de ontem na maior prova de todo-o-terreno do mundo ficou marcada pelo grave acidente de Nani Roma, nos autos, já bem perto do final do setor seletivo. Situação essa que deixou o piloto espanhol, por momentos inconsciente, fora da prova e com um traumatismo craniocervical, que levou a que fosse prontamente transferido para uma unidade hospitalar em Lima, capital do Peru.

Quem acompanhou de perto este processo foi a mulher de Nani Roma, Rosa Romero, que compete na categoria moto em representação da espanhola Himoinsa Racing Team.

“Tive a sorte de ter estado com o Nani, já consciente, e antes de ser levado no helicóptero. Assim ao ter visto fisicamente o Nani fiquei mais tranquila”, disse Rosa Romero à publicação espanhola ‘Marca’.

Porém, Romero pensou por momentos em deixar tudo para atrás, leia-se abandonar o Dakar, e seguir junto do seu marido. “O Nani estava consciente e perguntei-lhe se queria com fosse com ele para o hospital. Recusou, disse-me que estava bem e para que eu continuasse na corrida. Mais tarde, depois de ser observado pelos médicos, iria me dizer como é que estava”.

Depois de viver naturais momentos de tensão, Rosa Romero não escondeu o quão duro foi fazer a ligação até ao ”bivouac’ em San Juan de Marcona. “Percorrer 200 quilómetros de ligação depois de ver o Nani, naquele estado, foi muito duro. Felizmente a ligação foi feita em estrada e pude vir junto de elementos da equipa. Foram uma ajuda preciosa porque, sinceramente, não estava em condições de olhar para o roadbook nem para mais nada”.

Recorde-se que após três etapas, Rosa Romero ocupa a 87ª posição da classificação geral, nesta que é a sua sétima presença no Dakar.

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Newsletter
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x