Dakar 2018: Kevin Benavides no comando provisório

Por a 16 Janeiro 2018 14:53

Nesta primeira jornada realizada em solo argentino, que liga Salta a Belén, o local Kevin Benavides entrou com tudo. No CP1 da 10ª tirada do Dakar de 2018, o piloto argentino comanda a corrida, situação que verifica-se desde a passagem pelo primeiro ponto intermédio do dia.

O homem da Honda vem a ganhar tempo importante aos mais diretos rivais e em especial ao líder à partida para a etapa, Adrien Van Beveren. Os dois pilotos começaram a tirada separados por apenas 22s, com vantagem para Van Beveren, mas essa diferença já foi diluída, pois Kevin Benavides vem a ganhar 6m28s ao piloto da Yamaha em CP1. Na classificação geral provisória a diferença é agora de 6m06s, mas com vantagem para Benavides.

A superioridade  da Honda para já nesta tirada é também visível em Joan Barreda Bort, que é nesta fase o terceiro mais veloz. Não obstante estar inferiorizado do joelho esquerdo, o rápido piloto espanhol é 3m41s mais lento do que o seu colega de equipa.

No campo da KTM para já o mais veloz é Toby Price – segundo na etapa – que vem a ceder 3m06s para Benavides e é o único homem que do segundo waypoint para o CP1 recuperou tempo, ainda que sejam só nove segundos, para a frente da corrida.

Já Matthias Walkner está a ser 5m32s mais lento, enquanto o herói da última tirada, Antoine Méo, está a pagar o preço de ter aberto a pista pelo que é 7m40s mais lento do que Kevin. Nota também para a sólida etapa de Stefan Svitko, que aparece no quinto posto.

Quem está a ter, até ao momento, um dia para esquecer é Ricky Brabec. O piloto da Honda, que foi segundo na oitava etapa, cometeu um erro de navegação logo no início do setor seletivo e repetiu a dose mais à frente, o que hipotecou por completo qualquer hipótese em obter um resultado de relevo no dia de hoje.

Em atualização….

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Newsletter
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png