Ensaio Moto Guzzi V7 III Stone de 2018 – Estilo Clássico Intemporal

Por a 10 Outubro 2018 17:03

Num estilo clássico intemporal a Moto Guzzi V7 III distingue-se pela simplicidade das suas linhas e pelo seu acabamento sóbrio, quase espartano, onde sobressai o seu motor em V2, transversal, tão característico da marca.

A opção de tons predominantemente mate, em quase todos os seus elementos, confere-lhe uma imagem de rebeldia e de alguma agressividade, realidade que equilibra e contrasta com o seu estilo mais clássico e sóbrio. O depósito de combustível da V7 Stone é um dos elementos que mais contribui para a imagem “Seventy’s” do conjunto. O seu desenho, estreito na zona onde encaixam os joelhos e a alargar por cima das cabeças do motor em V, parecendo envolver as mesmas, fazem-nos recordar as desportivas dos anos 70, sobretudo a célebre Moto Guzzi Le Mans III.

Apesar de não ser uma desportiva, dentro do que hoje em dia caracteriza o segmento, as suas linhas transmitem a aparência das desportivas de há 40 anos. O banco da versão III da Stone está agora mais rebaixado na zona do condutor e segue de forma armoniosa as linhas do depósito. As tampas laterais com rasgos fazem também lembrar as da versão Le Mans dos anos 70. A suspensão com foles confere-lhe o look retro tão de moda nas motos neo clássicas actuais. O farol redondo e o manómetro único, também redondo, complementam o look vintage e minimalista de outrora da V7 Stone III.

As jantes de liga com seis braços bifurcados, em forma de diapasão, são de belo efeito e também de acabamento negro mate. A V7 Stone monta jante de 18” à frente com pneu 100/90 e jante 17” atrás com pneu de 130/80, ambos de piso de estrada. O guarda–lamas dianteiro é também uma peça minimalista e contribui para a imagem desportiva da V7 Stone. As duas ponteiras de escape elevadas com acabamento negro mate reforçam o look clássico desportivo da V7. O guarda-lamas traseiro tem um recorte que segue a linha da roda, envolvente e clássico da Marzocchi, e sobre o mesmo está colocado o conjunto de farol traseiro oval, piscas e suporte de matrícula.

O quadro é um típico duplo berço, tubular em aço, e o braço oscilante integra a transmissão por veio, do lado direito, com dois amortecedores Kayaba com ajuste de pré-carga de mola e de acabamento negro. Na dianteira suspensão tradicional de 40mm com foles, sem possibilidade de ajustes. A travagem na dianteira está assegurada por um disco de 320mm com pinça Brembo de 4 pistons sendo que na traseira é de um disco de 260mm com pinça de duplo piston. A distribuição de peso está em 46% na frente e 54% atrás e inclui uma nova geometria de direção que garante maior estabilidade em curva e maior manobrabilidade a baixa velocidade.

O motor da V7 Stone é o tradicional V2 transversal com 744cc, dos poucos que ainda mantêm o arrefecimento a ar, embora a exposição das duas cabeças de cilindro assim o permita, tornando efectivo o seu arrefecimento. O V Twin transversal da Guzzi debita 52 HP às 6.200rpm, suficientes para proporcionarem uma condução descontraída e cheia de torque nos regimes de maior utilização, graças a um binário máximo de 55 Nm às 4.600 rpm . Também o conforto de utilização da V7 Stone é proporcionado por uma nova embraiagem seca com monodisco de 170mm que proporciona enorme suavidade nas passagens de caixa.

As novas cabeças de motor da V7 integram novos pistons e cilindros e a injecção electrónica é assegurada por um sistema da Marelli gerido por uma nova centralina. Os escapes integram um novo sistema de isolamento e um novo catalisador que garante a conformidade com o Euro 4.

A nível da electrónica a V7 Stone opta pelo essencial e disponibiliza para maior segurança do condutor ABS de dois canais e controle de tração de 2 níveis e um terceiro em modo desligado para condução livre e sem intervenções ( como alguns de nós apreciamos ) .

A posição de condução da V7 Stone é perfeitamente natural, com os punhos e as peseiras colocadas no “sítio certo”. As vibrações que são transmitidas a estes dois elementos são mínimas apesar de ser um dois cilindros em V com arrefecimento a ar, e apenas os retrovisores acusam alguma falta de clareza na imagem. A altura do banco ao chão de apenas 770mm garante sempre que, uma vez parados, os nós pés possam estar perfeitamente assentes no chão, tornando a V7 Stone muito abrangente e segura seja qual for a estatura do seu utilizador.

A condução é suave, com uma entrega de potência nos regimes baixo e médios sempre disponível e aquilo que mais nos surpreendeu foi a precisão da caixa de velocidades da nova V7 Stone, a contrastar com a versão de efeito “clank” da sua irmã V9 anteriormente por nós ensaiada.

Gostámos do comportamento em curva, precisa e fácil de colocar nas trajetórias, com suspensões a actuarem de forma satisfatória, mesmo em mau piso, e a travagem eficiente e justa para o regime de utilização que é suposto imprimir numa moto com as características da Moto Guzzi V7 Stone.

Nota final muito positiva para a Moto Guzzi V7 Stone que, a celebrar os 50 anos do primeiro modelo da marca, se posiciona num segmento cada vez mais disputado como uma opção de excelência para quem procura uma moto de estilo clássico e intemporal para as suas deslocações diárias, segura, confortável e de condução fácil.

A personalização da V7 Stone ao gosto de cada um é também possível graças a uma extensa lista de acessórios opcionais que a marca disponibiliza. A moto Guzzi V7 Stone tem ainda como opção a possibilidade de utilização de uma APP Multimédia que permite a ligação dos nossos smartphones, via bluetooth, à moto e podermos controlar uma série de funcionalidades e obter informação.

A Moto Guzzi V7 Stone está disponível em quatro opções cromáticas, preto, azul elétrico, verde camuflagem ( a versão ensaiada ) e amarelo elétrico. O seu PVP é de 9.434.00 euros.

Ficha Técnica

Marca: Moto Guzzi Modelo: V7 Stone 2018
MOTOR
Tipo bicilíndrico em V a 90º, refrieração a ar, 4 tempos, 2 válvulas
Cilindrada 744 cc
Potência Máx. 52 hp @ 6.200 rpm
Binário Máx. 54.7 [email protected] 3.600 rpm
Embraiagem Seca monoplaca
Alimentação Injecção electrónica Weber marelli
Caixa Vel 6 Velocidades
Transmissão Por veio
CHASSI E SUSPENSÕES
Quadro Duplo berço em aço com elementos desmontáveis
Suspensão Dianteira Marzocchi tradicional de 40 mm não ajustável 130 mm curso
Suspensão Traseira 2 Amortecedores Kayaba ajustáveis em pré-carga de mola

116mm de curso

TRAVÕES E PNEUS
Travões Dianteiros 1 Disco de 320 mm Pinça Brembo 4 pistons com ABS
Travões Traseiros Disco de 260mm com ABS
Pneu Dianteiro 100/90-18 jantes 6 braços em liga Tubeless
Pneu Traseiro 130/80-17 jantes em liga Tubeless
ELETRÓNICA E ELETRICIDADE
Bateria 12 V
Luzes Dianteiras Farol redondo com luz não LED
Luzes Traseira Farol oval com luz não LED
Painel Info Manómetro redondo multi informação
Controle Tração sim 2 níveis
Ride by Wire não
Modos de Motor não
Outros ABS duplo canal
DIMENSÕES
Comprimento 2.185 mm
Largura 800 mm
Altura 1.115 mm
Distância entre Eixos 1.445 mm
Distância ao solo 182 mm
Altura do banco 770 mm
Peso total 179 Kg
Capacidade do Depósito 22 litros
Reserva 2.5 litros
Consumos n.d.
Norma Emissões Euro 4

 

Concorrência

Harley Davidson Iron / 883 cc / n,d. CV / 245 Kg / 10.890 eur

Indian Scout Sixty / 999 cc / n.d. CV / 246 Kg / 11.990 eur

Triumph Bonneville T100 Black / 900 cc / 55 CV / 213 Kg / 10.500 eur

 

Galeria de Imagens 

cetelem

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MOTO+
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png

Facebook

Instagram

Follow Me on Instagram
  • https://www.motosport.com.pt/motocross/supercross/arenacross-uk-hugo-basaula-quarto-birmingham/

    motosport_oficial: "https://www.motosport.com.pt/motocross/supercross/arenacross-uk-hugo-basaula-quarto-birmingham/"
    109
    5
  • Matthias Walkner vence Dakar2018 em KTM - leia no site www.motosport.com.pt #walkner#matthias#matthiaswalkner#ktm#ktmracing#dakar#dakar2018#redbull#motosport#motosport_oficial

    motosport_oficial: "Matthias Walkner vence Dakar2018 em KTM - leia no site www.motosport.com.pt #walkner#matthias#matthiaswalkner#ktm#ktmracing#dakar#dakar2018#redbull#motosport#motosport_oficial"
    80
    0
  • Eli Tomac vence 1o Triple Crown (AMA Supercross) Leia no site www.motosport.com.pt #elitomac#tomac#ama#amasupercross#triplecrown#anaheim#kawasaki#motosport#motosport_oficial

    motosport_oficial: "Eli Tomac vence 1o Triple Crown (AMA Supercross)
Leia no site www.motosport.com.pt #elitomac#tomac#ama#amasupercross#triplecrown#anaheim#kawasaki#motosport#motosport_oficial"
    75
    1
  • Yamaha apresenta nova M1 de MotoGP na próxima 4a feira - leia no site www.motosport.com.pt #yamaha#yamaharacing#yamahamotogp#yamaham1#yamaha 2018#motogp2018#motogp#vakentinorossi#rossi#maverickvinales#vinales#motosport#motosport_oficial

    motosport_oficial: "Yamaha apresenta nova M1 de MotoGP na próxima 4a feira - leia no site www.motosport.com.pt #yamaha#yamaharacing#yamahamotogp#yamaham1#yamaha 2018#motogp2018#motogp#vakentinorossi#rossi#maverickvinales#vinales#motosport#motosport_oficial"
    113
    0
  • Troféu Airoh premeia pilotos mais rápidos em cada prova do Campeonato Nacional Enduro 2018 - leia no site www.motosport.com.pt #airoh#trofeuairoh2018#cnenduro#enduro#motosport#motosport_oficial

    motosport_oficial: "Troféu Airoh premeia pilotos mais rápidos em cada prova do Campeonato Nacional Enduro 2018 - leia no site www.motosport.com.pt #airoh#trofeuairoh2018#cnenduro#enduro#motosport#motosport_oficial"
    20
    0
  • Nexx- uma das unidades da fábrica da Nexx na Anadia, sofreu um incêndio grave, cujas causas não são ainda conhecidas, leia no site www.motosport.com.pt #nexx#incendionexx#motosport_oficial

    motosport_oficial: "Nexx- uma das unidades da fábrica da Nexx na Anadia, sofreu um incêndio grave, cujas causas não são ainda conhecidas, leia no  site www.motosport.com.pt #nexx#incendionexx#motosport_oficial"
    49
    4
  • #Kawasaki #VulcanS #MotoSport

    motosport_oficial: "#Kawasaki #VulcanS #MotoSport"
    75
    1
  • #ValentinoRossi #Yamanha #Silverstone

    motosport_oficial: "#ValentinoRossi #Yamanha #Silverstone"
    77
    1
  • #MiguelOliveira #RedBullKTMAjo #MotoSport

    motosport_oficial: "#MiguelOliveira #RedBullKTMAjo #MotoSport"
    298
    0
  • #Diadosnamorados #Valentinday #motsportportugal #MarcMarquez

    motosport_oficial: "#Diadosnamorados #Valentinday #motsportportugal #MarcMarquez"
    205
    1