MXGP: 11 portugueses em Águeda

Por a 10 Abril 2018 10:07

Na derradeira semana que antecede a realização do Grande Prémio de Portugal, em MXGP (Mundial de Motocross), no Crossódromo Internacional de Águeda, a lista de pilotos lusos que vão participar em três das quatro classes que estarão em pista aumentou para 11 ‘wildcards’, que sucede assim aos oito pilotos inicialmente divulgados aquando da apresentação oficial do evento.

Os reforços de última hora são André Sergio, Bruno Charrua bem como Joana Gonçalves e Ana Alves no pelotão das senhoras. De saída, por lesão, ficou Sandro Peixe, que iria competir na categoria maior (MXGP), mas o acidente na ronda do Campeonato Nacional em Casais de São Quintino travou o piloto.

Nunca antes a representação portuguesa foi tão numerosa numa prova do Mundial, com os 11 pilotos a estarem divididos por três classes: MXGP, EMX 250 e WMX, sendo a competição feminina a mais representada pois serão cinco as pilotos em prova, às quais se juntam mais quatro representantes na prova do Europeu 250 (EMX 250) e dois pilotos na classe maior (MXGP).

Rui Gonçalves será naturalmente o líder da ‘armada lusitana’, depois de uma longa participação consecutiva no campeonato o piloto de Vidago participará agora no evento luso como ‘wildcard’. Ao lado do vice-campeão do mundo de MX2 em 2009 estará Paulo Alberto, aos quais se junta o quarteto composto por Diogo Graça, Luís Outeiro, Bruno Charrua e André Sérgio no EMX 250 e ainda as cinco senhoras: Joana Gonçalves, Ana Alves, Filipa Leite, Ana Santos e Tatiana Graça.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Motocross
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png