MotoGP, Tailândia: Os recordes de Quartararo

Por a 10 Outubro 2019 14:30

O GP da Tailândia fez história no fim-de-semana passado, com toda uma série de recordes quebrados de maneira enfática. A segunda visita de sempre ao Circuito Internacional de Chang proporcionou ação emocionante, especialmente na classe rainha. Conheça 10 factos cruciais, estatísticas, ou curiosidades de informação privilegiada acerca da ação de domingo.

  1. Apesar de uma queda no final da Q2, Fabio Quartararo classificou-se na pole position pela quarta vez na sua temporada de estreia, depois de Jerez, Catalunha e Assen, estabelecendo um novo recorde de volta em Buriram para igualar os de Jorge Lorenzo (2008) e Dani Pedrosa (2006), que também se classificou na pole quatro vezes na temporada de estreia na categoria MotoGP. Apenas Marc Márquez fez melhor, com nove poles em 2013.
  2. Com 20 anos e 168 dias de idade, Fabio Quartararo também é o piloto mais jovem a conquistar quatro poles na classe rainha das corridas de Grand Prix, batendo o recorde de Marc Márquez, que tinha 20 e 181 dias em Indianápolis em 2013 .
  3. Se Fabio Quartararo vencesse a corrida na Tailândia (20 anos e 169 dias), seria o segundo piloto mais jovem a vencer uma corrida de Grande Prémio da categoria rainha, atrás de Marc Márquez, que tinha 20 anos e 63 dias quando venceu no GP das Américas em 2013.
  4. Maverick Viñales classificou-se entre os três primeiros, a oitava vez este ano que se classifica entre os três primeiros (embora na Catalunha ele tenha sofrido uma penalidade de 3 lugares na grelha e largado em sexto).
  5. Marc Márquez, que caiu na Q2, classificou-se em terceiro lugar, que foi o 13º arranque da primeira linha da temporada até agora. Márquez, que venceu no ano passado em Buriram à frente de Dovizioso, conquistou o seu sexto título mundial de MotoGP e oitavo em todas as classes de Grande Prémio.
  6. Com Maverick Viñales, Fabio Quartararo e Franco Morbidelli, foi a terceira vez este ano que houve três pilotos Yamaha entre os quatro primeiros na classificação, juntamente com a Catalunha e San Marino.
  7. Depois de passar pela Q1, Danilo Petrucci andou na Q2 pela primeira vez desde Silverstone e classificou-se em quinto lugar, que é o melhor resultado de qualificação desde que ele foi terceiro na grelha em Itália no início deste ano, a caminho de vencer a sua única corrida de MotoGP até agora.
  8. Andrea Dovizioso classificou-se na sétima posição, a sétima vez este ano que não se classificou nas duas primeiras filas. O ano passado na Tailândia, cruzou a linha em segundo lugar, a única vez que perdeu uma batalha na última curva com Márquez.
  9. Valentino Rossi, que começou em segundo no ano passado na Tailândia, classificou-se em nono lugar depois de também cair na Q2, a nona vez este ano que não se conseguiu classificar nas duas primeiras filas da grelha.
  10. Depois de passar pelo Q1, Pol Espargaró, que perdeu a corrida em Aragão devido a uma lesão no pulso, classificou-se em 11º lugar. Espargaró participou com sucesso no que foi a sua 100ª largada na categoria rainha no domingo, acabando a corrida em 13º.

 

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png