MotoGP: Pilotos de Teste não têm férias

Por a 8 Julho 2019 15:00

Três semanas de folga aguardam a maior parte do paddock de MotoGP, no entanto, alguns pilotos de teste de fábrica vão continuar a queimar borracha em Julho.

A bandeira quadriculada no Grande Prémio da Alemanha assinalou o início de três semanas de descanso para os pilotos de MotoGP, mas nem todos poderão tirar algum tempo fora do asfalto em Julho.

À medida que o trabalho continua para o segundo semestre de 2019 e o início da próxima temporada, os pilotos de teste não terão tempo para descansar, pois continuam a preparar o terreno para os seus colegas a tempo inteiro.

Nos dias 9, 10 e 11 de Julho, os pilotos Dani Pedrosa e Mika Kallio, da KTM Red Bull, vão estar em Brno, antes de Pedrosa ir ao circuito da KTM, o Red Bull Ring, na Áustria, nos dias 22 e 23 de Julho, para mais testes.

Michele Pirro, da Ducati, é acompanhado por Bradley Smith, da Aprilia Gresini, e pelo piloto de testes Stefan Bradl, no Circuito Misano Marco Simoncelli, nos dias 16, 17 e 18 de Julho, com Sylvain Guintoli na Suzuki também nos dias 17 e 18. Depois disso, o francês ainda vai estar no Twin Ring Motegi com a Suzuki Ecstar por alguns dias.

O circo de MotoGP regressa a todo o vapor nos dias 2, 3 e 4 de Agosto, com o Grande Prémio da República Checa a arrancar a segunda metade da temporada de 2019.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png