MotoGP, Austrália: A queda de Oliveira

Por a 26 Outubro 2019 11:30

O vento soprou forte no circuito de Phillip Island durante todo o Sábado, o que limitou a sessão a um mínimo na FP3.

As condições também foram difíceis na FP4 a seguir, e Oliveira sofreu um acidente a alta velocidade na curva 1 quando foi empurrado para fora da pista pelo vento forte, levando à saída da bandeira vermelha e encurtar da sessão.

O rookie português foi levado de maca para o centro médico, mas os exames revelaram que escapou do acidente sem ossos quebrados.

Oliveira revelou que ele caiu não apenas por causa do vento, mas porque a direção “mudou completamente” desde a FP3.

“Eu estava ao lado do Zarco e, naquele momento, estava um pouco mais perto do lado esquerdo da pista”, disse ele.

“De manhã à tarde, o vento mudou completamente de direção e foi de repente veio da direita.”

“Saio para deixar o Johann passar e, quando travo, já estou completamente de lado e o vento empurrou-me para fora da pista. Depois disso, nada a acrescentar.”

Embora tenha escapado do acidente sem ferimentos graves, Oliveira ainda não foi declarado apto para correr e precisa de passar por um exame médico no Domingo de manhã.

“No centro médico, a princípio eles examinaram-me e viram que não havia nada partido nas minhas mãos, mas não me declararam apto.”

“Ainda preciso de lá passar amanhã para ver se consigo fechar as mãos para andar. O resto está bom, o ombro também parece um pouco dorido.”

“Agora é acordar amanhã e esperar pelo melhor.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x