MotoGP, Aragón: Márquez vence com Dovizioso segundo

Por a 22 Setembro 2019 12:48

As costas de Márquez foi tudo o que os outros viram, com o piloto de Cervera a parecer cada vez mais um extraterrestre e a deixar todo o pelotão a mais de um segundo nas 23 voltas da corrida de MotoGP…

Como previsto, Márquez arrancou para tomar a dianteira, deixando atrás colados Miller, Quartararo, Viñales, Espargaró, Rossi, Dovi, Crutchlow e Iannone.

Logo na primeira volta, Rins encosta Morbidelli e o Italiano cai aparatosamente Rins continuando em pista mas em 18º… Oliveira estava em 12º entre Nakagami e Lorenzo, a fazer um bom começo.

Pouco depois, à 7ª volta, Viñales passa Quartararo para terceiro, e Rins leva uma penalidade de volta longa, enquanto Miguel Oliveira já é 11º.

Com Viñales a passar Miller para 2º a seguir, Rins está à frente de Oliveira, mas quando vier cumprir a volta longa o português ficará de novo a um passo do Top 10 com Nakagami já atrás e o grupo de Iannone e Petrucci parece ao alcance da melhor KTM em pista, já que Kallio está apenas em 17º e Syahrin em 20º, com o piloto de Almada a passar Iannone para o 11º lugar de novo, mas a perder de novo o lugar a seguir.

À frente, a vantagem de Márquez, que roda em 1:49.7, mas já fez 1:48s no início da corrida, mais rápido que todos os outros 0,3s, é vasta e a 5 voltas do final, Dovizioso ascende também a 3º.

A 3 voltas do final, Nakagami ataca Oliveira, que defende a sua 12ª posição já sem pneu e baixa para 13º, e Dovi está colado a Viñales, passando para 2º à beira de uma resultado muito melhor do que a marca de Bolonha se atrevera a esperar após uns treinos difíceis… tornado ainda melhor quando, na última volta, Miller o acompanha para colocar outra Ducati no pódio…

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png