MOTOGP, ANDALUZIA: QUARTARARO É O FRANCÊS MAIS BEM-SUCEDIDO DA CLASSE RAINHA

Por a 27 Julho 2020 13:30

Estamos a ficar sem superlativos para descrever Fabio Quartararo, da Yamaha Petronas SRT. O piloto de 21 anos acabou por chegar à segunda vitória consecutiva em Jerez, com um máximo de 50 pontos em 50 disponíveis, e deixa o Grande Prémio da Andaluzia com uma vantagem de 10 pontos sobre Maverick Viñales (Yamaha Monster Energy ) na classificação do Mundial de MotoGP.

A vitória inaugural de Quartararo na corrida foi muito impressionante, mas a segunda foi, indiscutivelmente, ainda melhor. Em condições que foram de alguma forma mais cansativas para a classe rainha que no fim-de-semana de estreia de 2020, Quartararo converteu a pole em vitória pela segunda vez em sete dias, mas desta foi a forma como deixou a competição para trás.

Nem a perseguição das YZR-M1 de Viñales e Valentino Rossi (Yamaha Monster Energy) teve resposta para o francês, nem ninguém mais o fez.

Cruzando a linha, Quartararo gravou o seu nome nos livros de história mais uma vez. Na semana passada, tornou-se no oitavo piloto mais jovem a vencer uma corrida de classe rainha, o primeiro piloto satélite da Yamaha a vencer uma corrida de MotoGP, o primeiro piloto da Yamaha a converter uma pole em vitória desde Lorenzo em Valência em 2016, e o primeiro francês a vencer a classe rainha em 20 anos, quando a Marseillaise soou nas encostas de Jerez duas vezes em sete dias.

Este fim de semana, Quartararo tornou-se o segundo piloto mais jovem a vencer consecutivamente corridas de classe rainha depois de Marc Márquez da Honda Repsol. O estreante do ano passado tornou-se também o piloto Francês mais bem sucedido na classe.

Christian Sarron militou vários anos nas 500 e venceu uma vez

E no entanto, a França tem uma história gloriosa nos Grande Prémios, mais nas 250, é verdade, onde teve Campeões Mundiais, mas decerto também nas 500/MotoGP, onde ao longo dos anos viu quase duas dezenas de pilotos seus participar com diferentes graus de sucesso.

Vitórias, há a registar apenas duas, as de Pierre Monneret no GP de França de 1954 e Christian Sarron na Alemanha em 1985, mas 5 outros pelo menos conseguiram pódios, Eric Offestadt em 1971, Christian Bourgeois em 1972, Michel Rougerie em 1977, Raymond Roche em 1984 e Olivier Jacques em 2005.

Além disso, nomes como Patrick Pons, Philippe Robinet, Frederic Protat, Hervé Moineau, Phillipe Monneret, J. F. Baldé, Bruno Bonhuil, Jacques Bolle, os irmãos Garcia, Loris Baz ou até Dominique Sarron, marcaram presença na classe a dada altura.

Só que até agora, nenhum tinha ganho duas corridas, quando mais consecutivas!

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x