MotoGP: Ainda faltam dez

Por a 18 Julho 2019 17:00

As férias de verão chegaram e enquanto se aproveita o sol na praia ou na piscina, contemplemos o que poderá acontecer quando os pilotos voltarem à ação em Brno para o primeiro dos dez grandes prémios finais, com a ajuda de algumas estatísticas vitais do analista da MotoGP Dr. Martin Raines.

Primeiro que tudo, poderá Valentino Rossi tornar-se no quarto piloto mais velho dos 70 anos de história do Campeonato do Mundo a vencer um Grande Prémio?

Na Argentina, Rossi tornou-se no primeiro piloto a terminar no pódio de um GP depois de completar 40 anos desde Marcellino Lucchi nas 250cc em Brno, em 1998, e o primeiro na categoria rainha desde Jack Findlay, na Áustria, em 1977.

Ele foi o 14º piloto a terminar no pódio de um GP na categoria rainha depois de completar 40 anos.

Com ‘The Doctor’ a tentar conseguir a sua primeira vitória em quase dois anos, poderá Alex Rins voltar a ganhar uma segunda corrida para a Suzuki pela primeira vez na época do MotoGP? Kenny Roberts Jr. Foi Campeão da classe rainha, mas no penúltimo ano das 500 de dois tempos, em 2000.

Apesar de Rins não ter conseguido marcar pontos nas últimas duas corridas, a sua pontuação de 101 pontos é a maior pontuação total de um piloto Suzuki depois de nove corridas na época de MotoGP.

Em Austin, a diferença de idade entre Rins e Rossi era de 16 anos e 295 dias, a maior diferença de idade entre os dois primeiros numa corrida de GP desde que Giacomo Agostini, de 26 anos, venceu o GP de 500cc de 1969 em Hockenheim, à frente do piloto alemão de 46 anos Karl Hoppe.

A vitória de Rins em Austin foi a primeira vitória de GP da Suzuki nos EUA. O único outro GP que a  Suzuki venceu nos EUA foi quando Daytona recebeu o Mundial.

Hugh Anderson venceu a corrida de 125 e 50cc em 1964, e a corrida de 125cc em 65. Ernst Degner venceu a corrida de 50cc em 65.

Poderá o francês de 20 anos, Fabio Quartararo, garantir a sua primeira vitória na categoria rainha na sua temporada de estreia?

Em Jerez, aos 20 anos, 14 dias, Quartararo ficou com o recorde de mais jovem marcador da pole na categoria rainha que era de Marc Marquez, que tinha 20 anos e 62 dias quando se qualificou na pole em Austin, em 2013.

No GP da Catalunha, Fabio Quartararo tornou-se no 5º piloto mais jovem a terminar no pódio na categoria rainha depois de Randy Mamola, Eduardo Salatino, Norick Abe e Marc Marquez. Quartararo era apenas oito dias mais velho do que Marquez quando ele conquistou o seu primeiro pódio no MotoGP.

No GP da Holanda, os três pilotos da primeira fila, Quartararo, Vinales e Rins, foram os três primeiros mais jovens da grelha na época de MotoGP. Os três primeiros mais jovem da grelha num GP da classe rainha aconteceu em Le Mans na abertura da corrida de 500cc em 1976, com Barry Sheene aos 25 anos na pole, seguido de Marco Lucchinelli aos 21 anos e Johnny Cecotto aos 20.

Alguém pode impedir Marc Marquez de ganhar o seu sexto título mundial de MotoGP e o seu quarto consecutivo?

Marquez lidera o campeonato de MotoGP depois de nove corridas com 185 pontos, a sua maior pontuação nesta fase da temporada desde 2014, quando venceu todas as nove primeiras corridas.

Em Jerez, pela primeira vez desde que subiu para a classe de MotoGP, Marc Marquez era o mais velho dos três pilotos na primeira linha da grelha.

Depois, poderá Danilo Petrucci terminar em frente ao seu companheiro de equipa, Andrea Dovizioso em pontos, marcando mais que ele e ganhando o seu segundo Grande Prémio?

Em Mugello, Danilo Petrucci tornou-se no sétimo piloto a ganhar uma corrida de MotoGP, que nunca tinha competido a tempo inteiro em nenhuma das classes mais pequenas do GP, juntando-se a: Crutchlow, Hayden, Tamada, Bayliss e Vermeulen & Spies, todos homens que vieram das Superbike ou diretamente para a MotoGP.

Apenas dois pilotos marcaram pontos em todas as nove corridas de MotoGP de 2019: Petrucci e Pol Espargaró. O piloto da Red Bull KTM falou sobre a sua “mentalidade de titânio”, o desenvolvimento da equipa e o sonho de lutar pelo Título do Campeonato.

Quando será que Pol Espargaró levará a KTM ao primeiro pódio da temporada na categoria rainha?

Espargaró marcou 56 pontos nas nove primeiras corridas, o que já é cinco pontos a mais do que ele marcou em todo o ano de 2018. Que novos registros serão estabelecidos durante as próximas dez corridas? Poderá Miguel Oliveira, na equipa satélite, começar a acabar regularmente nos pontos? O Português tem uma história de passar um ano a aprender e depois começar a entregar na segunda época na categoria, assim foi em Moto3 e Moto2.

Em Mugello, Jack Miller marcou a volta mais rápida da corrida. Todos os outros 21 pilotos que completaram pelo menos uma volta marcaram um tempo por volta dentro de um segundo da volta mais rápida de Miller, o que mostra como tudo está próximo.

No GP de Barcelona, ​​havia 10 vencedores de corridas de MotoGP na grelha. A ocasião anterior em que 10 vencedores de corridas da categoria rainha alinharam foi em Valência 2009: Pedrosa, Rossi, Lorenzo, Hayden, Elias, Dovizioso, Capirossi, Vermeulen, Melandri e Stoner, que não largaram depois de uma queda na volta de aquecimento. Todos os 10 pilotos tinham alinhado na corrida anterior em Sepang…

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
JF Recent comment authors
recente antigo mais votado
JF
Membro
JF

Não serão precisas as 10 para o Marquez confirmar mais um titulo, a Ducati em vez de evoluir parece estar a regredir, a Yamaha não faz vasa, o incrível na Yamaha é aquilo que fez a equipa satélite no tempo do Zarco e agora com o Quartararo, tem muito mais valor as poles e os dois pódios seguidos do Quartararo que o que fez o Vinales nas 2 ultimas corridas, a Suzuki melhorou bastante mas ainda não chega para discutir a maioria das corridas, apesar de Rins e Mir estarem a fazer uma boa epoca Quanto ao Rossi piloto que… Ler mais »

últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png