MotoGP, 2020: Portimão recebe final da temporada

Por a 10 Agosto 2020 16:54

A FIM, a IRTA e a Dorna Sports acabaram de confirmar que a adição de um 15º Grande Prémio ao calendário do Campeonato do Mundo de MotoGP de 2020 vai ser mesmo Portugal!

Como noticiámos em primeira mão há dias, o evento vai decorrer de 20 a 22 de Novembro no Autódromo Internacional do Algarve em Portimão e tornar-se a prova final da temporada.

Sendo uma pista de reserva para o MotoGP desde 2017, o circuito vai agora fazer a sua estreia no calendário.

O Autódromo Internacional do Algarve é verdadeiramente único, com as suas mudanças de elevação características e traçado ondulante, granjeando-lhe a reputação de montanha-russa de alta velocidade, emocionante tanto para fãs como para concorrentes. A pista vai agora receber regresso da MotoGP a Portugal pela primeira vez desde 2012, e a prova vai ver o piloto português Miguel Oliveira (KTM Red Bull Tech 3) a correr em território caseiro na classe rainha pela primeira vez.

O presidente da FIM, Jorge Viegas, disse: “Estou muito orgulhoso por o MotoGP regressar ao meu país, oito anos depois do último Grande Prémio, que teve lugar no Circuito do Estoril em Maio de 2012. Gostaria de agradecer calorosamente à Dorna, ao Autódromo Internacional do Algarve e à Federação de Motociclismo de Portugal por terem conseguido reunir as condições necessárias para a organização da final do Mundial de 2020, que se realiza em Portugal.”

 

 

 

O CEO do Autódromo Internacional do Algarve, Paulo Pinheiro, afirmou:

“É um grande feito para a nossa equipa finalmente ter MotoGP na nossa pista! O MotoGP é o pináculo do desporto de duas rodas, e estamos muito entusiasmados por o receber. Foi um longo processo com a Dorna, tínhamos um acordo desde 2017 e, finalmente, todo o trabalho árduo valeu a pena. Além disso, ter o Miguel Oliveira na grelha de MotoGP, poder lutar pelo pódio, será um complemento incrível para esta prova, e esperemos que o Campeonato seja decidido aqui.”

“Estamos a trabalhar para ter os adeptos na nossa corrida, e vamos começar com uma capacidade de 30.000 fãs para o fim de semana de corrida e depois decidiremos com a Dorna e as autoridades sanitárias as etapas seguintes. Não podemos expressar o quanto estamos felizes por ter esta corrida.”

O CEO da Dorna Sports, Carmelo Ezpeleta, rematou: “É uma grande novidade para nós, assinámos um acordo em 2017 com Portimão para ser o circuito de reserva para qualquer tipo de cancelamentos, e temos estado em contacto com eles todo este tempo. Estivemos em Portimão com a Superbike e achamos que é uma possibilidade incrível para nós, e também está no acordo que a pista será reasfaltada após a ronda de Superbike. Quando explicámos isto aos pilotos, eles ficaram entusiasmados porque viram a pista na televisão, mas nunca lá estiveram.”

“Portugal tem uma longa história no nosso desporto e tem havido algumas batalhas históricas no Estoril. É algo muito bom para nós ter a possibilidade de voltar a Portugal, especialmente com Miguel Oliveira a participar, pois é ótimo ter um piloto português capaz de competir no seu próprio país. Estamos extremamente felizes por estarmos a correr em Portimão no final do ano.”

0 0 vote
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas MotoGP
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x