MotoGP, 2020: Evolução técnica nos treinos de Misano

Por a 25 Junho 2020 14:30

Houve algumas novidades técnicas vistas em Misano, a começar pela boxe da Ducati. Em pista, estiveram tanto o piloto de testes Michele Pirro, que andou com a Desmosedici GP20, e o piloto da Avintia Johann Zarco, este a bordo de uma Panigale V4R.

Pirro estudou duas novas soluções para ajudar Andrea Dovizioso e Danilo Petrucci a desafiar Marc Márquez e a Honda na próxima temporada. Quanto a Zarco, o antigo piloto da KTM não quis perder esta oportunidade de sacudir a ferrugem ao vir a Misano, mesmo rodando numa SBK e não na sua MotoGP. O objetivo final, que ele nunca escondeu, é ganhar um lugar na equipa Pramac, considerada mais competitiva, seja o de Bagnaia ou Miller, não faz diferença.

Entretanto, nas motos viam-se duas diferenças: Na parte frontal, um deflector aerodinâmico cobre a área acima da base do garfo. Esta forma de carenagem procura garantir um fluxo de ar mais eficiente para o radiador.

Além disso, a Brembo criou uma nova pinça de travão que se diz ter duas grandes vantagens. A nova pinça é mais leve do que a anterior e, ao fazer parte do peso não-suspenso, teria um ligeiro impacto positivo no comportamento da moto, especialmenge na tão importante inserção em curva, ao reduzir as forças giroscópicas.

Além disso, a nova pinça Brembo deve dissipar melhor o calor e portanto, atenuar os picos de temperatura. Isto é possível através de barbatanas de arrefecimento incorporadas na frente. Como resultado, deve conseguir um desempenho de travagem mais consistente, especialmente em pistas que requerem muita pressão sobre o sistema de travagem.

Ambas estas medidas reportam-se ao facto de que várias corridas serão agora disputadas no pino do verão na Europa, quando antes não seria o caso.

 

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas MotoGP
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png