Moto3: separados por nada

Por a 29 Julho 2019 17:00

Nas Moto 3, Dalla Porta assumiu a liderança na última corrida, mas poderá Aron Canet reagir quando a segunda metade da temporada começar em Brno?

A Alemanha foi uma corrida decisiva na luta pelo título de Moto3, com Lorenzo Dalla Porta (Honda Leopard Racing) a assumir o lugar de Aron Canet (KTM Sterilgarda Max), mas permanece tudo muito próximo: apenas dois pontos separam os dois-

Canet tem forma de pódio na pista checa, mas Dalla Porta é o homem numa sequência de resultados consistentes. Exceto pela sua desistência mecânica da corrida em Barcelona, ​​o italiano tem estado no pódio em todas as corridas desde França.

O espanhol, por sua vez, teve alguns desaires: um sétimo e um décimo segundo não são a forma que ele vai querer continuar a exibir, enquanto a pressão aumenta e as corridas seguem …

Depois, há os demais rivais: John McPhee (Petronas Sprinta Racing) é um vencedor em Brno e um vencedor já em 2019, como é Niccolo Antonelli (SIC58 Squadra Corse), atualmente em terceiro no Campeonato, em ambas critérios. Marcos Ramirez (Honda Leopard) tem um par de sólidos resultados na pista, e Tony Arbolino (VNE Snipers) é um homem que deu um grande passo em frente nesta temporada. Eles irão assegurar de que o desfecho da corrida, pelo menos, está longe de ser uma luta a dois entre Dalla Porta e Canet.

Há também os heróis locais Filip Salac (Redox PrüstelGP) e o colega de equipa Jakub Kornfeil, que terão como objetivo fazer a sua marca, e dois wildcards: o antigo campeão da Taça de Talentos Idemitsu Ásia, Deniz Öncü (KTM Red Bull Ajo) e Yuki Kunii (Honda Asia Talent Team).

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto3
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png