CEV Repsol Moto3: Confronto final em Valência

Por a 28 Outubro 2020 12:30

Duas rondas em dois dias decidem as lutas pelo título de 2020, com tudo a ir até à final do Campeonato de Espanha no Circuito Ricardo Tormo

Depois de mais uma temporada incrível em 2020, chegou o momento de a cortina cair na competição pelos títulos do CEV Repsol. Faltam duas rondas para um fim de semana final, com o circuito Ricardo Tormo a ser o anfitrião dos decisores do título, uma semana antes da chegada das MotoGP ao traçado. A coroa permanece em jogo em todas as categorias, prometendo um espectáculo de arromba no fim-de-semana final.

No Campeonato do Mundo de Moto3 Júnior, Xavier Artigas (Honda Leopard Impala Junior Team, 43 acima no Estoril) é o homem na liderança, mas a sua diferença foi significativamente reduzida nas últimas corridas, sobretudo graças a uma atordoadora tripla ameaça de Izan Guevara (Openbank Aspar Team) em Aragón da última vez. O piloto, agora segundo da geral, venceu as três corridas no MotorLand, colocando-o a apenas 10 pontos da liderança de Artigas.

Há 75 pontos em cima da mesa em três corridas restantes para o título de Moto3 Junior, por isso não é a o salto difícil que outrora parecia para uma carga tardia à coroa.

Artigas tem boa forma na pista, e não menos importante um pódio de Grande Prémio em Moto3 como wildcard, por isso não será fácil.

Mas está longe de ser o único duelo pela coroa. José Julian Garcia (SIC58 Squadra Corse) está a 41 pontos do topo e Pedro Acosta (Team MT-Foundation 77) a 42, pelo que, com 75 ainda em jogo, está tudo em aberto entre os quatro primeiros.

Daniel Holgado (Openbank Aspar Team) e David Salvador (Cuña de Campeones) ainda podem fazê-lo matematicamente também, embora o seu défice se situe nos 66 pontos cada. Ainda serão seis concorrentes no último dia da corrida da temporada no domingo?  Quem aguenta a pressão?

0 0 votes
Article Rating
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Ensaios
últimas Motosport
Motomais
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x