Moto2: Binder salta para o topo da FP2

Por a 5 Julho 2019 14:55

Depois de Folger, Luthi e Schrotter terem dado um gostinho dos pilotos da casa na FP1, foi a vez de Luca Marini surgir no top da tabela na segunda sessão livre FP2, com Lecuona a intrometer-se também entre o meio-irmão de Rossi e os anteriores líderes Folger e Luhti.

Gardner começou a aparecer, primeiro em 5º, e Alex Márquez, apenas 14º na FP1, instalou-se com o 8º tempo no Top 10. À sua frente tinha Binder, também ausente dos últimos minutos da FP1, e Vierge, a que se veio juntar Fernandez, cada vez mais eficiente, a 21 minutos do final.

Finalmente, nos últimos 8 minutos, Márquez e Vierge saltaram para o topo da tabela, com Nagashima também em 3º. O tempo de Vierge de 1:24.328 colocou-o no comando, mas Alex tinha muito tempo para inverter essa situação, com Marini a baixar para 4º e Fernandez mesmo para 10º, mas qualquer dos dois em posição de a quqluer altura juntar uma volta canhão para regressar ao topo.

3 minutos do fim, e eis que surge Binder de surpresa o mais rápido, e único a baixar do segundo 24, ainda que por muito pouco, com 1:23.948.

Os segundos finais anteviam-se quentes, e incrivelmente, Vierge e Lecuona estavam no mesmo tempo, exatamente a 0.380 de Binder, quando Augusto Fernandez salta para 4º, passando Márquez que começava a parecer duvidoso estivesse com hipótese de continuar a sua sequência de vitórias.

Binder acaba mesmo no topo da FP2, com Schrötter Marini, e Lüthi, os rápidos da 1ª sessão, a acabar em 8º, 9º e 10º!

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto2
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png