Moto2 2020: A EG 0,0 Marc VDS apresentou-se em Jerez

Por a 13 Fevereiro 2020 15:00

A estrutura da Estrella Galicia 0.0 apresentou o seu enorme projeto desportivo para 2020, que mais uma vez apoiará pilotos desde o nível das classes de promoção até à elite do Campeonato do Mundo na Moto2. Este ano, sete nacionalidades diferentes estão representadas na formação de pilotos.

Os atuais Campeões do Mundo de Moto2 defrontam a temporada de 2020 com duas caras novas. O britânico Sam Lowes, ausente da apresentação da equipa devido a uma lesão sofrida num teste privado em Jerez, e o espanhol Augusto Fernandez, formam uma emocionante dupla que vai assumir o desafio de lutar pelo Campeonato do Mundo.

A Estrella Galicia 0.0 vai competir no Mundial de Moto3 com Sérgio Garcia mais uma vez, o espanhol acompanhado esta temporada pelo estreante japonês Ryusei Yamanaka.

Mike Di Meglio voltará a representar a EG 0.0 Marc VDS nas MotoE, o Mundial das elétricas, onde venceu uma corrida no ano passado e terminou em quinto lugar na classificação da primeira campanha para motos elétricas.

A equipa júnior Estrella Galicia 0.0 estará na grelha do Campeonato do Mundo de Juniores de Moto3 com um alinhamento composto pelo brasileiro Diogo Moreira, pelo espanhol José Antonio Rueda e pelo francês Lorenzo Fellon.

A Equipa Estrella Galicia 0.0 entra com três pilotos no CEV Repsol na European Talent Cup: o espanhol Angel Piqueras, o norte-americano Tyler Scott e o espanhol Marco Morelli.

Marc Van der Straten, dono da formação Estrella Galicia 0,0 Marc VDS, disse:

“Na nossa 11ª temporada no Campeonato do Mundo a equipa ainda está em perfeita harmonia e homogeneidade. Depois de um bom trabalho durante o inverno, estamos preparados para continuar a lutar pelos nossos sonhos. Temos dois grandes pilotos em Moto2 e estou convencido de que a experiência e velocidade de Sam Lowes e o talento e entusiasmo de Augusto Fernandez nos darão grandes momentos e alegrias esta temporada na categoria intermédia. Além disso, este ano vamos competir em MotoE com Mike Di Meglio mais uma vez, que lutará pelo título desde a primeira corrida. Estou muito feliz e orgulhoso da minha equipa e mal posso esperar para voltar a ouvir o rugido dos motores”.

Sam Lowes acrescentou: “Apesar da infeliz lesão que sofri durante os testes, estou muito motivado por este novo projeto. Desde o primeiro dia que me sinto muito bem com a minha nova equipa, por isso estou muito interessado em começar o que penso que vai ser uma grande temporada com eles. Dado o nível da equipa e o que conseguiram no ano passado, o meu objetivo será nada menos do que correr na frente e lutar pelo pódio desde o primeiro Grande Prémio.”

Augusto Fernandez: “Sinto-me ótimo e estou 100% pronto para começar a temporada. Durante o inverno treinei muito no ginásio e fiz muito motocross. Sinto-me muito forte e ansioso por trabalhar com a nova moto e a minha nova equipa. Têm um nível incrível e damo-nos muito bem. O objetivo deste ano é estar entre os pilotos mais rápidos e lutar por pódios e vitórias. O meu objetivo é estar entre os nomes que desafiam para o título mundial, mas penso que essa será a consequência do trabalho que fazemos. Temos de o fazer calmamente porque a temporada é muito longa. Se trabalharmos bem, passo a passo, os resultados chegarão.”

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Moto2
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png