EnduroGP: Mathias Bellino associa-se à Honda

Por a 19 Dezembro 2017 14:03

Depois de seis anos ligado à Husqvarna, marca com a qual foi em 2015 campeão do mundo da categoria E3, Matthias Bellino foi forçado a dar um novo rumo à sua carreira com a saída do Mundial de Enduro (EnduroGP) por parte da Husqvarna em 2018.

Desta forma o piloto gaulês associou-se à privada Honda Euroboost (Honda RedMoto França) para  a próxima época. Um novo desafio para um homem que em 2017 viveu um ano muito duro, pois duas lesões comprometeram qualquer hipótese de obter um resultado de relevo no final da temporada.

“Estou muito motivado para trabalhar com o Yves Rodes (responsável da Euroboost) e toda a equipa. Tudo ficou acertado enquanto estava lesionado no ombro e sem hipóteses de testar a moto. No entanto segui em frente com esta opção, pois todos sabem a reputação da Honda RedMoto. Por isso esta decisão não acarreta riscos relacionados com a moto que continua a ser a número 1”, entende Bellino.

O piloto francês explicou ainda que vai criar uma “estrutura própria em colaboração com um elemento chave: Creg Gibson, que ficará com a responsabilidade de coordenar toda a equipa. Este é um grande trabalho e não está ainda tudo finalizado. Estamos a trabalhar muito para ter tudo pronto. Nas próximas semanas irão ser reveladas, aos poucos, mais novidades sobre este projecto”, revelou Mathias Bellino, que durante a temporada pilotará a nova Honda CRF450X.

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Enduro
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png