Diogo Vieira: “Alguma falta de sorte ditou o resultado em Erzberg”

Por a 6 Junho 2019 18:47

31º classificado no Erzberg Rodeo 2019, o piloto do Porto falou connosco sobre esta sua terceira participação na mítica prova austríaca.

 

Achaste a prova mais dura que nos outros anos?

“Sim, a prova estava mais dura que nos anos anteriores. Mais quilómetros, zonas novas e um ‘Carl’s Dinner’ maior e muito mais complexo. Notei uma grande melhoria em relação ao ano passado ao nível da escolha de linhas mas apanhei muito mais trânsito.”

 

Não conseguiste atingir o teu objetivo que era chegar ao fim. Conta-nos como foi.

“Este ano saí da segunda linha e isso até podia ter funcionado a meu favor. No entanto, fiz um péssimo arranque e perdi muito tempo nas filas. Tive de abandonar no Checkpoint 20 porque tive um problema na moto que me obrigou a abandonar. Sinto que teria superado o CP 21 sem problemas e ficado as portas do CP 22, o ‘Green Hell’ que foi onde fiquei em 2018.”

 

Em que áreas achas que podes melhorar para Erzberg 2020?

“No geral, estava mais preparado que nos anos anteriores. Mas sinto que algumas más decisões e alguma falta de sorte ditaram o resultado, que ficou um pouco aquém do que queria. Para 2020 vou preparar-me melhor para o prólogo. Foi algo que não consegui preparar convenientemente este ano e isso notou-se. Para isso, vou tentar descobrir uma zona para treinar que seja o mais parecida possível com o que encontro lá.”

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas Destaque Homepage
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png