CEV Repsol 2020: Antevisão de Portimão

Por a 10 Julho 2020 14:00

 

A 2ª jornada do CEV no nosso país começa apenas seis dias depois de uma estreia dramática no Estoril. Depois de esperar mais de 200 dias pelo regresso do CEV Repsol, a boa notícia é que só temos de esperar mais seis para toda a ação das corridas no Autodromo Internacional do Algarve, em Portimão, na segunda-feira, 13 de Julho.

Depois das duas vitórias no Campeonato da Europa de Moto2 e da Taça dos Talentos Hawkers, tanto Yari Montella (Speed Up Team Ciatti) como David Alonso (Openbank Aspar Team) estão confiantes em continuar a sua impressionante forma, enquanto Xavi Artigas (Honda Leopard Impala Junior Team) terá, sem dúvida, mais uma luta nas mãos depois de conquistar a vitória no FIM Moto3 Junior por apenas 0,003 de segundo.

A Moto2 deu muita luta

O primeiro homem interessado em vingar-se de Artigas será Pedro Acosta, da MT-Foundation 77, a quem foi negada uma vitória de estreia no Moto3 Jr pela margem mais estreita. Além disso, não se pode descontar Adrian Fernandez, da Laglisse Academy, depois do diminutivo piloto ter chegado ao pódio com o terceiro lugar no Estoril.

A última vez que o CEV Repsol visitou o circuito português foi em 2016, quando apenas dois dos atuais pilotos da grelha de Moto3 Jr estiveram presentes: Gerard Riu, da AGR Team, e Kazuki Masaki, da Academia Laglisse.

Montella terá, sem dúvida, um desafio mais difícil em Portimão, nas Moto2, com Niki Tuuli, da Team Stylobike, em particular, a procurar bater o italiano, depois de ter sido obrigado a segui-lo nas duas corridas de abertura da temporada.

Lukas Tulovic, da Kiefer Racing, fez um soberbo regresso à classe na primeira prova, antes de cair na segunda corrida quando perseguia um segundo pódio do dia, mas será que o alemão pode regressar ao topo em Portimão?

Em Superstock 600, Fermin Aldeguer (FAU55 Tey Racing) impressionou muitos com um duplo Top 10 geral e duas vitórias à classe no Estoril.

Ação imprópria para cardíacos é garantida

Na ETC, David Alonso foi o melhor no Estoril, mas mesmo vencendo ambas, ficou provado na segunda corrida que os pilotos da classe podem levar a luta até ele.

O próprio colega de equipa da Openbank Aspar, Ivan Ortola, ficará satisfeito por só ter seis dias para pensar no que poderia ter sido, depois de uma penalidade por ter saltado a partida, que lhe custou uma oportunidade de vitória.

Os rookies sensação Angel Piqueras (Estrella 0,0 Talent Team) e Adrian Ferrandez (Cuna De Campeones) estarão, sem dúvida, a desafiar para a vitória após a estreia no pódio, enquanto Zonta v d Goorbergh, da Team Superb, não precisará de mais motivação depois de ter sido informado, a caminho do pódio no Estoril, que tinha terminado em quarto lugar afinal…

 

A partir de hoje, o Campeonato de Espanha de Velocidade já está em treinos livres no Autódromo do Algarve. Os treinos para as várias classes decorrem, entre as 9:00 e as 15:35 e Sexta e Sábado, que termina com as verificações técnicas entre as 16:15 e as 17:30.

No Domingo, os treinos cronometrados definirão as grelhas de Moto3, ETC e Moto2 ao longo do dia, bem como da Copa promocional Cuña de Campeones. Os horários ficam abaixo:

Deixe um comentário

Please Login to comment
últimas CEV Repsol
últimas Motosport
AutoSport https://www.autosport.pt/wp-content/themes/maxmag/images/logo.png